VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Segunda-feira, 2 de Dezembro de 2013

Eficácia

Vitória importante, conseguida num jogo que ficou marcado sobretudo pela eficácia no ataque, e em que a nossa boa reacção ao golo sofrido acabou por ser decisiva.

 

 

Regresso aos dois avançados na dupla Lima/Rodrigo. No meio campo o Fejsa jogou à frente dos centrais, com o consequente adiantamento do Matic no terreno. E face aos três laterais esquerdos lesionados, mais uma vez o André Almeida foi pau para toda a obra e ocupou a posição. Pareceu-me que na primeira parte o Benfica tentou regressar ao mais original dos 4-4-2 do Jesus, jogando numa táctica semelhante à da sua primeira época na Luz, com o Enzo a fazer as vezes de Ramires, ou seja, a dividir a sua zona de acção entre o meio e a direita. Sobre a primeira parte, pouco há a dizer. Foi um jogo extremamente repartido e sem muitos motivos de interesse, visto que quase não houve remates a uma ou a outra baliza e as ocasiões de perigo rarearam. Acabou por ser mais feliz o Benfica, que a sete minutos do intervalo se colocou em vantagem no segundo remate que fez durante todo o primeiro tempo (o primeiro tinha sido um do Enzo que passou bem longe do alvo). O golo resultou de uma fuga do Lima pela esquerda, com o guarda-redes adversário a fazer um disparate enorme ao tentar interceptar o cruzamento - julgo que terá tentado agarrar a bola, mas acabou por largá-la, o que deixou ao Rodrigo a simples tarefa de a empurrar para a baliza deserta. Face ao pobre futebol que foi apresentado durante o primeiro tempo (por ambas as equipas), podíamos considerar-nos felizes com a vantagem ao intervalo.

 

 

Para a segunda parte veio um Benfica tacticamente diferente, já que o Rodrigo deixou de jogar como segundo avançado e encostou-se à direita, ficando a outra faixa entregue ao Gaitán e permitindo ao Enzo fixar-se no centro. Mas isto aparentemente não provocou grandes alterações no desenrolar do jogo, já que este mantinha-se teimosamente como na primeira parte, desinteressante e em ritmo lento. Tudo se alterou no entanto quando ainda antes de findo o primeiro quarto de hora o Rio Ave empatou, após um cruzamento largo da esquerda que o André Almeida não conseguiu interceptar da melhor maneira, o que deixou o Ukra solto na zona do segundo poste para controlar a bola e fazer o golo. Ao contrário do que temos visto acontecer frequentemente esta época, o Benfica reagiu bem ao golo, e demorou apenas cinco minutos para voltar a colocar-se em vantagem, num livre directo superiormente marcado pelo Lima, que colocou a bola no ângulo. Poucos minutos após este golo a tarefa ficou ainda mais facilitada, visto que o Rio Ave ficou reduzido a dez por acumulação de amarelos do Wakaso. A partir daqui o Benfica controlou o jogo com enorme facilidade, e mesmo sem muito esforço acabou por chegar ao terceiro golo a dez minutos do final e matou de vez o jogo. Novamente o ressurgido Lima a marcar, desta vez num bom remate rasteiro de primeira, de pé esquerdo, a dar seguimento a um cruzamento do Rodrigo na esquerda - tinha passado para esse lado após a entrada do Markovic para o lugar do Gaitán.

 

 

O homem do jogo é evidentemente o Lima, que em boa hora resolveu reaparecer e acabar com o jejum de golos. Ambos os golos foram muito bons: o livre foi marcado de forma perfeita, e o segundo golo é um remate muito bom e colocado de primeira. Espero que este Lima (o da época passada) tenha regressado para ficar, para que não fiquemos tão dependentes do Cardozo. Gostei também do Rodrigo hoje, pois esteve muito mais activo e até o vi a recuar e a recuperar bolas. Provavelmente o golo na Bélgica terá contribuído para melhorar a sua confiança.

 

Com este importante resultado está consumada a ultrapassagem ao Porto. Mesmo sem jogar nada, com um treinador que já ultrapassou o prazo no clube, com os adeptos pouco motivados pela equipa, com o Salvio, o Cardozo, o Amorim e três defesas esquerdos lesionados, conseguimos entrar no segundo terço do campeonato na frente da tabela, ainda que com companhia. Portanto resta-me ter esperança que com os regressos dos jogadores lesionados e uma inevitável subida da confiança quer da equipa, quer dos adeptos associada à liderança repartida, as coisas só possam melhorar daqui para a frente.

publicado por D`Arcy às 00:16
link do post | comentar
24 comentários:
De ÁGUIA GENIAL a 2 de Dezembro de 2013
GANHAMOS BEM, MAS CONTINUO A DIZER QUE É PRECISO JOGAR MAIS.
ESTAMOS EM 1º E NAO SAIMOS MAIS DA LIDERANÇA.

FORÇA BENFICA!
De Benfiquista de Faro a 2 de Dezembro de 2013
D'Arcy, parabéns por mais este sagaz comentário!
Já agora, posso fazer-lhe uma pergunta? Que quer dizer quando afirma: "com um treinador que já ultrapassou o prazo no clube" ?
Saudações benfiquistas !
De D`Arcy a 2 de Dezembro de 2013
O JJ vai no quinto ano de clube. Quem não gostou da renovação do contrato dele acha naturalmente que ele já está fora de prazo. Há aliás muita gente que defende que ele deveria ter saído logo após a segunda época, por exemplo.

São opiniões perfeitamente legítimas, e o comentário não pretende criticá-las. É apenas uma observação.
De Clara a 2 de Dezembro de 2013
Concordo plenamente com a eficácia...e o que trouxe esta eficácia? Segurança,porque hoje apesar do jogo não ter sido muito bem jogado, eu senti segurança na equipa e no resultado, e é assim que eu adoro sentir-me em relaçâo ao nosso Benfica.

Benfiquista nortenha
De Filipe a 2 de Dezembro de 2013
Atenção que o André Almeida não falhou sozinho no gollo. Alguém deveria ter aparecido nas suas costas, dado que a equipa estava toda balanceada para o lado direito.
De Brytto a 2 de Dezembro de 2013
Já não sei o que se pode dizer... continuam, única e exclusivamente, a salvarem-se os resultados! Espero que continuemos pelo menos assim, ganhando!!!!
Bem já vi o Benfica ser campeão sem jogar absolutamente nada, a ultima foi com o Trapatoni!... :-)
De Manuel Afonso a 2 de Dezembro de 2013
Há uns anos escrevi aqui que devido à diferença qualitativa entre os planteis do Benfica e do Porto relativamente a todos os restantes competidores nacionais, nenhuma equipa voltaria a ser campeã perdendo mais de 12 pontos numa época. 12 pontos em 90 possiveis não são nada, e logo alguns apressados me apelidaram de maluquinho e as coisas do costume. As últimas épocas lá me deram razão.
À viragem do primeiro terço do campeonato nós já perdemos 7 pontos. Isto em circunstâncias normais quereria dizer que o título já seria uma miragem.

Valha-nos o facto o Porto conseguir estar ainda pior do que nós.
E valha-nos também o facto de ao contrário das últimas duas épocas, o actual plantel do Porto não se aproximar sequer da qualidade do nosso.
E mesmo com estas beneces inesperadas, estamos em igualdade pontual com o Sportém.

Acho que está tudo dito sobre a qualidade do nosso campeonato até ao momento.
Mas isto nem me chatearia particularmente. Por isto ou por aquilo estamos na frente do campeonato, logo o que interessa é o que podemos fazer a partir daqui.

Vamos então analizar os sinais que podemos tirar do jogo de ontem, tentar assim perceber o que se projecta para o futuro.

Sabendo que ganhando assumiríamos a liderança do campeonato, esperava-se uma entrada de rompante do Benfica. E assim foi. Foi uma entrada de rompante para a primeira parte mais miseravel que me lembro de fazer.
Miseravel, isecravel, ridícula.
Em 45 minutos de futebol, contra uma equipa com o potêncial do Rio Ave, conseguimos não criar uma única oportunidade de golo. UMA ÚNICA!!!
A segunda parte, com muito boa vontade, foi ligeiramente melhor, ou menos péssima, como preferirem.

Salvou-se mais uma vez o resultado, que sabendo-se ser o mais importante, há que perceber que a continuarmos assim, não vai durar a que nem ele se salve.
Olhe-se para o Porto. Todos diziamos que não jogavam nada. Que só tinham sorte. E diziamos bem. Em 3 jornadas perdem 7 pontos e ninguém ficou demasiado surpreendido.
Assim estamos nós.

Quinta época, um plantel com esta qualidade, um jogo desta importância, um adversário como o Rio Ave, e conseguimos fazer uma primeira parte sem criar uma oportunidade de golo?!?!
E ainda há quem pergunte se está a mais? Se está a mais?!?! E os olhinhos abertos, não?

Esperança? Eu quero, mas com base em quê? Nisto? Não sou arraçado de avestruz, peço desculpas.
Esperança exigo eu que me seja dada pela minha direcção. Que ponha a andar o JJ e que contrate um treinador. Se mesmo sem (treinador) estamos na liderança, imagine-se o que fariamos com (treinador).

De Pedro a 2 de Dezembro de 2013
JJ está completamente fora do prazo. Estragado mesmo.

Espero que não se desperdice novamente a oportunidade de ele sair do SLB com a faixa de campeão.
De Henrique Teixeira a 2 de Dezembro de 2013
Como já foi dito o Benfica controlou totalmente o jogo a partir da expulsão dum jogador adversário e venceu com inteiro merecimento. No entanto, a equipa pode e deve jogar muito mais do que aquilo que fez até à obtenção do 2º golo. A vitória foi muito importante, pois é fundamental o Benfica ganhar sempre, porque a luta pelo título este ano apresenta mais um candidato que o ano passado. Candidato esse que nem sequer se apurou para as competições europeias e que usufruirá da vantagem de não sofrer desgaste. Além disso, também já está afastado da Taça de Portugal.
Devemos continuar a recear as más arbitragens, pois apesar do resultado, viu-se o que se passou em Coimbra e, até no jogo entre as equipas B houve uma grande penalidade ridícula contra nós.
Receio também a abertura do chamado mercado de inverno, onde o Porto, a exemplo do que tem feito, se irá reforçar e o Benfica se seguir o exemplo dos anos anteriores, pelo menos em qualidade não o fará. É fundamental que pelo menos não saia ninguém, pois estou convencido que caso Bruno César e Nolito não tivessem saído na época passada o Benfica teria sido campeão.
Na ausência de Óscar Cardozo fiquei muito agradado com o jogo do Lima e do Rodrigo, dois jogadores que esta época tinham estado totalmente desinspirados.
Nunca acreditei que o Benfica ganhasse 7 pontos ao Porto e muito menos em 3 jornadas. Agora pede-se que lute para ampliar a vantagem e descolar do Sporting.
De v.branco a 2 de Dezembro de 2013
Mais 3 pontos, que é o que se pretende!
Eis-nos em primeiro, o para tantos "Benfiquistas" que nos mataram em logo á segunda jornada, imagino será uma enorme maçada.
Estamos a jogar pior, é um facto, mas o Porto não está melhor e o sporting nºao me parece que tenha estofo para aguentar toda a época e só está ao nosso lado graças a benefícios arbitrais. Sim, não se pode omitir termos sido claramente prejudicados em 2 jogos, o que faz com não estejemos isoladíssimos na frente!
Força Benfica!

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Setembro 2021

Agosto 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Sexta

Susto

Eficácia

Unidos

Heróico

Aberto

Desperdício

Tranquilo

Atribulado

Coerência

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds