VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Domingo, 5 de Janeiro de 2014

Eusébio

 

Hoje morreu um pouco do nosso Benfica. Fica a saudade, a gratidão ilimitada e o dever de estar à altura do maior símbolo do nosso Benfica. Tudo o que não foi dito não cabe nas metáforas, fica em nós connosco, na família benfiquista.

tags:
publicado por Pedro F. Ferreira às 11:32
link do post | comentar
31 comentários:
De Antonio Matos a 5 de Janeiro de 2014
Aqueles de quem gostamos e de quem nos orgulhamos, nunca morrem, apenas partem antes de nós.
De moleculasdeamor a 5 de Janeiro de 2014
Grato por fazeres parte das minhas memórias de infância... grato pela alegria que forjas-te, grato pela arte e o poder...

GRato!
De Lena a 5 de Janeiro de 2014
Sem dúvida que morreu um pouco do Benfica hoje...
A foto seleccionada para o post não podia ser melhor!
Até sempre REI!
De Joao Coelho a 5 de Janeiro de 2014
O único Deus vivo, partiu. RIP Eusébio ...
De Asa Branca a 5 de Janeiro de 2014
Nunca vi nem privei com Eusébio mas aprendi a gostar do Benfica em parte pelo Eusébio! Vai-se talvez o maior símbolo do clube mas fica o exemplo que os atletas do Benfica deveriam seguir a risca!
De Nelson C a 5 de Janeiro de 2014
A partir de hoje serás o nosso Deus lá no alto do Olimpo....

DEUSébio...Descansa em paz.

VIVA O SL BENFICA SEMPRE

Nelson C
De Manuel Afonso a 5 de Janeiro de 2014
Não sei "endeusar" ninguém. Nem sei se o Eusébio era melhor ou pior pessoa do que em média as pesssoas são. Nem me interessa.
Quando se deve a alguém para lá do que é humanamente possivel retribuir, nada disto interessa nem pode interessar.
O Eusébio era só o expoente maior deste pequeno conjunto de atletas extraordinários a quem o Benfica e os Benfiquistas devem mais do que aquilo que alguma vez poderão retribuir.
Mas há outros, ainda vivos, que não podemos esquecer, como o Coluna ou o Simões.
Não sei se são ou foram mais Benfiquistas que outros, que entretanto sairam do clube, de forma pouco abonatória ou de outra forma qualquer.
Sei que objectivamente, fruto dos tempos, outros tempos, acabaram por querer dar ou ter que dar mais ao clube do que aquilo que dele receberam.

E é isto que os torna míticos para os Benfiquistas, que sentem muito para além das suas capacidades futebolísticas. Esta dívida de gratidão eterna que jamais poderá ser paga.
Por muito que se diga OBRIGADO.
De Manuel Afonso a 5 de Janeiro de 2014
O comentário -Manuel a 5 de Janeiro de 2014 às 13:23- é meu.
De benfiquista do coração a 5 de Janeiro de 2014
assino por baixo

não tenho vergonha de dizer
que hoje já chorei

e escrevo estas linhas com lágrimas nos olhos

chorei pelo meu idolo de infância

o maior

o Benfica quase tudo lhe deve

paz à sua alma
De Bloguista Atento a 5 de Janeiro de 2014
http://www.maquinadelavax.blogspot.pt/2014/01/aqueles-que-por-obras-valerosas-se-vao.html

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Confrangedora

Doloroso

Inequívoca

Tristeza

Deplorável

Descanso

Cumprido

Entradas

Regresso

Inadmissível

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds