VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Sábado, 24 de Maio de 2008

Ainda o jantar na Assembleia da República

Na sequência deste post do Artur, o assunto não merece passar impune, pelo que o seguinte email foi enviado hoje ao Senhor Presidente da Assembleia da República (conforme sugestão de um deputado amigo meu).

 

 

Exmo Sr. Presidente da Assembleia da República,

 

 

Sou um cidadão português de 32 anos e venho por este meio fazer duas perguntas a V. Exa. acerca do jantar que se realizou no restaurante da Assembleia da República no passado dia 14 de Maio, em que participaram um conjunto de deputados e o Presidente do FC Porto.

 

1) Gostaria de saber quem é que pagou a conta do respectivo jantar. Presumindo que não foi o convidado, foram os deputados ou o erário público?

 

2) Independentemente de quem tenha liquidado a conta, gostaria de saber se V. Exa. tem o poder de permitir ou cancelar certos eventos nas instalações da A.R. Imaginemos, por absurdo, que o Sr. Alves dos Reis ainda era vivo e um conjunto de deputados o convidava para jantar na A.R. V. Exa. tinha poderes para não o permitir?

 

Na sua mensagem no site da A.R., diz V. Exa. que esta é “a Casa da Democracia Portuguesa”. Porventura, tem V. Exa. a percepção do sinal que este evento deu à população portuguesa? Alguns dos representantes “de todo o país” convidam para jantar em pleno órgão de soberania uma pessoa que está neste momento a responder em tribunal por tentativa de corrupção e que já foi condenada na justiça desportiva por este mesmo delito. E o clube que representa nem sequer recorreu da sentença, assumindo sem contestação a sua condição de corrupto. Para além disso, o que a sua defesa mais argumenta em tribunal é a ilegalidade das escutas telefónicas. Ninguém deve ser condenado antes de haver sentença, mas ainda não se ouviu ninguém desmentir o conteúdo e dizer que aquelas conversas nunca existiram.

 

Não está em causa a legitimidade dos deputados adeptos do referido clube convidarem o presidente desse mesmo clube para almoçar ou jantar, mas julgo eu haver mais restaurantes no país onde esse repasto pudesse ser realizado, sem ser em plena “Casa da Democracia Portuguesa”. Ou acaso estarei enganado?

 

Grato pela atenção e pelo tempo de V. Exa., e aguardando uma resposta sua, despeço-me atenciosamente.

 

Com os meus melhores cumprimentos,

  

S.L.B.

 

 

 

Desafio todos os cidadãos portugueses com algum pingo de decência a manifestarem publicamente a sua indignação, tal como foi feito com sucesso nesta situação. Podem fazê-lo através deste link.

publicado por S.L.B. às 02:49
link do post
Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Confrangedora

Doloroso

Inequívoca

Tristeza

Deplorável

Descanso

Cumprido

Entradas

Regresso

Inadmissível

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds