VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Segunda-feira, 2 de Junho de 2008

Encontro imediato

Não é costume eu andar de metro àquela hora. E também não é costume eu estar acompanhado do jornal que está na imagem (costumo lê-lo em casa). Mas a vida proporciona-nos acasos felizes. Hoje ia a entrar no metro com o referido jornal (especialmente esta edição, com aquela capa) e quem é que eu vejo no átrio, junto a um pequeno quiosque de jornais? Exactamente, o senhor que está na capa do jornal! Como eu estava ao telefone e a conversa não podia ser interrompida, deixei-o lá estar, passei o cartão pelos torniquetes e entrei na plataforma, todo roído por não lhe poder dizer nada. Só que quando o telefonema acabou, virei-me para trás e quem é que eu vejo a descer as escadas em direcção à plataforma? Claro, essa mesma pessoa!

 
Pensei: “esta é uma oportunidade única! Não te vais perdoar se não lhe disseres nada!” Ele estava sentado a ler um jornal e eu caminhei na sua direcção, enquanto pensava o que iria fazer. Tentei combater a tendência de lhe perguntar manualmente o porquê dos 124 livres para o André Cruz, dos penalties do Bessa e dos inúmeros roubos de igreja que tem perpetrado contra o Glorioso, e consegui. Claro está que, se fosse logo no dia a seguir ao jogo do Bessa deste ano, iria ser muito mais difícil não ceder à tentação das perguntas manuais, mas passado este tempo as tendências de ser irracional (qual super-dragão) acalmam-se naturalmente. E além disso, eu acho que as bofetadas de luva branca têm efeitos mais duráveis do que as que deixam marcas momentâneas.
 
Como lia um jornal, ele só reparou que eu ali estava quando abri a boca. Assim que digo a primeira palavra (já vão saber qual é), ele levanta os olhos para mim, com uma expressão relativamente simpática de quem pensa “ora cá está alguém que me reconhece e que tem algo elogioso para me dizer”. Disse-lhe o seguinte, mostrando-lhe a 1ª página desta edição do jornal do Benfica:
 
 
 
“A justiça tarda, mas não falha!”
 
Só gostaria que vissem a cara dele quando se apercebeu do jornal que eu lhe estava a mostrar. Parecia que tinha visto o Diabo! Os vampiros, quando vêem a cruz, não devem ter uma expressão muito diferente! Dito aquilo, virei-lhe as costas e vim-me embora. Curto e grosso. 1-0 sem espinhas. À Benfica.
publicado por S.L.B. às 20:51
link do post | comentar
38 comentários:
De Pedro F. Ferreira a 2 de Junho de 2008 às 21:02
eheheheheh
De Superman Torras a 2 de Junho de 2008 às 21:22
LOL

És grande!

1 abraço (quem me dera ter visto esse encontro imediato)
De cunh@ a 2 de Junho de 2008 às 21:30
deve ter sido um espectáculo digno de gravação pró pessoal ver!
De Velho Estilo a 2 de Junho de 2008 às 21:37
Em grande e com Classe.

Parecia um passe do Maestro para um golo do Batistuta :)
De Patrícia a 2 de Junho de 2008 às 21:52
Eheheheheh! Bestial! Quem me dera ter visto a cara desse habilidoso....

E viva "O Benfica"!
De GeracaoBenfica a 2 de Junho de 2008 às 22:28

Que classe...

Parecias o Rui Costa qd da outra vez disse em directo ao cromo do jornalista:

"Estou a jogar muito bem? isso vindo de si é um elogio depois do que disse no inicio da epoca".
De Burmelho a 2 de Junho de 2008 às 22:31
LOL, bem esgalhada!
De César a 2 de Junho de 2008 às 22:39
Hahaha! Em grande!
De Paulo a 2 de Junho de 2008 às 23:22
Grande S.L.B.!!!

Toma e embrulha...

Eu não faria melhor!
De p a 3 de Junho de 2008 às 00:03
Perfeito. Dois reparos, apenas: por mais irracional que seja o teu estado, nunca ele se há-de sequer aproximar da selvajaria que é a andradagem (ok, a referência aceita-se enquanto hipérbole mas ainda assim...); os Lucílios, quando muito, são como um grão de poeira nos olhos - atrasam-nos, mas não nos desviam do caminho. Mas, sim, acima de tudo, a vénia pelo dever cívico cumprido.

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Receio

Passeio

Natural

Pouco

Absurdo

Controlo

Tranquila

Desconcentração

Cinzenta

Frustrante

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds