VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Quinta-feira, 2 de Julho de 2009

Estatutos

Espero que todo este processo que, quer queiramos quer não, está a dar uma péssima imagem pública do nosso clube ao menos sirva para todos tomarmos consciência de que, acima de tudo, é preciso seguir à letra os estatutos do Sport Lisboa e Benfica. Se assim fosse, as eleições seriam em Outubro, ou mais cedo, se para tal fossem alterados em tempo útil ou se se tivesse feito uma AG extraordinária para que os sócios decidissem sobre a sua antecipação. E, mais importante do que isto, se os estatutos tivessem sido cumpridos, não teria sido permitido haver uma candidatura de um associado com menos de cinco anos de sócio efectivo. Que mais não está a fazer do que tentar tomar o Benfica à força, afrontando a esmagadora maioria dos sócios (quer os que estão com a actual direcção, quer os que irão votar em branco).

 
Se alguém sabe ou desconfia que vai ser vítima de uma tentativa de assalto, o mínimo que deve fazer é trancar a porta. O que, pelos vistos, não aconteceu. Caso contrário, estas questões jurídicas não existiriam.
 
P.S. – Caso haja eleições amanhã, volto a apelar, tal como os meus companheiros de blog, a que se processem com a dignidade e respeito que o Sport Lisboa e Benfica nos merece. É o nome do nosso clube que está em causa, portanto espero que todos possam exercer o seu direito de voto de forma livre e sem coações. Mesmo algumas ovelhas ronhosas que existem entre nós. Sendo certo que, e aqui tomo a liberdade de falar em nome da Tertúlia Benfiquista, TUDO faremos dentro da lei para que certas pessoas JAMAIS possam assaltar o Sport Lisboa e Benfica.
publicado por S.L.B. às 18:21
link do post | comentar
36 comentários:
De Txalo a 2 de Julho de 2009
Ainda bem que há alguém com ponderação suficiente para suportar este momento triste da história do nosso clube.
Certamente que temos várias maneiras de impedir este duplo assalto, sem radicalismos, e sem termos que estar a expulsar do clube aqueles que pensam de maneira diferente de nós - nomeadamente requerendo a realização de Assembleias Gerais e a realização de eleições que respeitem os estatutos do clube. Aí sim, devemos dar a resposta, conscientemente, e fora deste ambiente de euforia, aos dois palermas, Khadafi e Paspalho, que se julgam donos da verdade e querem ser donos do Benfica.
De Carlos Silva a 2 de Julho de 2009
estou contigo em tudo o que escreveste

nunca estivemos tão de acordo

um abraço
De Luís Bernardo Rolo a 2 de Julho de 2009
Parabéns pela ponderação e inteiramente de acordo.
Como já antes escrevi, o momento é de voltar a unir o Sport Lisboa com o Benfica. Votemos então com serenidade para não darmos ainda pior imagem pública que esta.
De abidos a 2 de Julho de 2009
Nem todos têm a mesma opinião sobre os Estatutos:
http://infernodaaguia.blogspot.com/2009/07/vieira-nao-esta-impedido-de-se.html


Sobre a calma necessária para amanhã, concordo totalmente, aliás tenho alertado outros para o perigo...
De Anónimo a 2 de Julho de 2009
Vamos com calma e cabeça fria.

É óbvio que o BC não tem condições para ser presidente do SLB e já não falo de estatutos.
Analisando as suas atitudes e "ideias", são uma contradição atrás da outra.
Já disse se perdesse nas urnas não prosseguiria agora não diz nada disso...

É uma pessoa muito perigosa, por isso o melhor é votar Vieira, engolir sapos e daqui a 3 anos quem quiser se candidatar que o faça.

Se isto tudo falhar uma sugestão R. Costa a presidente do SLB e LFV na sad.

B. Stream
De Anónimo a 2 de Julho de 2009
Bruno Carvalho, o candidato da lista B à presidência do Benfica, vai exercer o direito de voto à hora do almoço. Luís Filipe Vieira, da lista A, só esta noite é que vai decidir a que horas vai votar nas eleições para os órgãos sociais do clube da Luz.

De acordo com a agência Lusa, Bruno Carvalho vai votar às 13 horas desta sexta-feira, enquanto que Luís Filipe Vieira ainda não decidiu a que horas vai votar.

Vieira só vai decidir o horário da votação em reunião com os restantes elementos que compõem a lista de órgãos sociais, sobre a qual pende uma suspensão à admissão a sufrágio ordenada judicialmente após a providência cautelar apresentada por Bruno Carvalho.

O anúncio da hora de votação vai ser feito no decorrer do jantar de encerramento da Lista A, programado para as 20 horas desta quinta-feira.
De GeracaoBenfica a 2 de Julho de 2009
Caro S.L.B.

Eu nao sei se consigo ser tão pacífista perante a hipótese de um Tribunal querer que o Presidente do Benfica seja o Bruno Carvalho.

Alguém que se eu já nao lhe conseguia ver qualquer credibilidade, bateu no fundo quando quis ganhar no Tribunal.

Vieira errou? SIM! E de forma que me custa perdoar-lhe. Mas isso não me cega à necessidade de defender o SLBenfica destes pilantras.

Haverá alguma forma de limpar o SLBenfica desta situação que nos envergonha, humilha e achincalha junto dos nossos adversários?
De carlos a 2 de Julho de 2009
sem qualquer beliscadura nas intenções do autor do post, parece-me que já está tudo demasiado confuso e incendiado para apelos destes, que de qualquer maneira espero bem que se concretizem (mas duvido...). julgo que apenas haveria uma coisa a fazer neste momento, que era o adiamento das eleições até ao esclarecimento desta questão da elegibilidade, ou não, do Vieira. depois disso, nova marcação, e aí já é indiferente se é para julho, para agosto, para outubro, seja lá o que for a merda já está feita e agora é só remediar como for possível...
essa nova marcação implicaria um novo processo completo, incluindo novo prazo para apresentação de candidaturas, goste o Vieira ou não, podendo ficar desde logo aceites a que já estivessem válidas neste momento (e ainda não percebi se estão ambas, só uma ou nenhuma, mas isso é o preço por termos o Vilarinho como presidente da AG e um departamento jurídico que deve ser recordista mundial de asneiras e incompetências).
menos que isto, desculpem lá, não pode ser para levar a sério: fazem-se as eleições quando um tribunal já fez saber que uma das listas é legalmente inaceitável e o conselho de magistratura (esta merda ainda acaba na ONU!) já confirmou essa situação, podendo agora ser apresentada contestação a essa decisão, o que não foi feito (porquê???!!), portanto correndo o risco de eternizar o processo nos tribunais com pedidos sucessivos de impugnação das eleições? tá tudo doido?
e não me venham com conversas de que os sócios vão mostrar isto ou aquilo, normalmente não iriam votar mais de dez ou quinze mil sócios, num universo de cerca de 100 mil, julgo eu, com capacidade eleitoral, agora irão quantos? cinco mil? mesmo que fossem vinte mil, quando já há semanas parte dos sócios manifesta, e apela, o voto em branco ou nulo, como se poderiam ler os outros oitenta mil? como apoiantes passivos do Vieira? como rejeitando estas soluções? como preguiçosos?
infelizmente a dupla Vieira / Vilarinho, com a sua incompetência e prepotência habituais, precipitaram o Benfica neste buraco, colocando-o à mercê de oportunistas e espertalhões como o Bruno coiso e outros que tais, mas é tudo farinha do mesmo saco, resultado da cegueira em que quisemos estar e da demagogia de tratar qualquer voz dissonante como papagaio, oportunista e por aí fora, com o desgraçado apoio de quem tinha obrigação de ver e pensar um bocadinho mais além (como a Tertúlia e tantos outros benfiquistas activos, mas que não resistiram a entrar nesta onda de banalização e rasteirice para onde o Vieira arrastou as eleições e o pensamento sobre o Benfica).
é pena, muita pena. não sei que mais dizer.
carlos
De Anónimo a 2 de Julho de 2009
fazes tudo? então vai votar em branco.
De Filipe Feliciano a 2 de Julho de 2009
Leia na íntegra a mensagem de Manuel Vilarinho, presidente da Mesa da Assembleia Geral do Benfica.
"Benfiquistas,
Tenho rosto, nome e passado.
Sou sócio do Sport Lisboa e Benfica há 61 anos . A este Clube dediquei muito da minha vida e em defesa do seu futuro disponibilizei muito do meu património.
Honro-me do meu passado, como homem e como benfiquista.
Nunca usei o Benfica em meu benefício. Nunca me aproveitei das muitas funções que ao seu serviço exerci. Sempre e sempre o fiz com entrega total, com espírito de missão e serviço e por amor ao Benfica.
Por isso, as acusações e/ou insinuações que me têm sido dirigidas constituem uma indignidade que não posso deixar de denunciar e que integralmente repudio.
Sou Presidente da Assembleia Geral do Benfica.
Tenho consciência perfeita das minhas obrigações. Como Presidente da Assembleia Geral sou o garante do cumprimento da Lei e dos Estatutos.
Em obediência a este dever tenho exercido este cargo. E em obediência a este dever convoquei o acto eleitoral e pratiquei todos os actos que estatutária e legalmente me estão cometidos com vista à sua realização, salvaguardando a isenção e independência que de mim se espera e se exige.
Por isso, foi com insuperável paciência que ontem e hoje ouvi as intermináveis intervenções, comentários e pronunciamentos sobre o acto eleitoral convocado para amanhã, sobre a sua legalidade ou ilegalidade, sobre a sua realização ou suspensão, sobre a sua exequibilidade ou inexequibilidade.
E permitam-me que expresse a minha surpresa profunda. Não me recordo, em toda a minha vida de benfiquista, de assistir a uma campanha de desinformação desta dimensão.
Assisti – e muito o lamento – a pessoas responsáveis tecerem observações sobre o que não conhecem, a apreciar e valorar condutas sobre factos que ignoram. Como assisti a pessoas com responsabilidades deontológicas de diversas ordem e natureza a omitirem factos essenciais e a, conscientemente, faltarem à verdade.
Por isso, entendo chegada a hora de prestar aos Benfiquistas todos os esclarecimentos que lhe são devidos.
Fá-lo-ei ponto por ponto, de forma clara e peremptória:
1. Sobre a existência de despacho judicial que ordene a suspensão do acto eleitoral
Não existe qualquer despacho dessa natureza. O que existe é, tão só, uma Nota de Citação recebida por mim, na qualidade de Presidente da Assembleia Geral, elaborada e entregue por uma Solicitadora de Execução que, alegadamente em cumprimento de um despacho de um Juiz, cita o Sport Lisboa e Benfica de que contra ele foi interposta uma providência cautelar requerendo a suspensão do acto de admissão da Lista A e dando o prazo de 10 dias para o Benfica oferecer a sua oposição.
Esta Nota de Citação, aliás, ao contrário do que a lei determina, não vem acompanhada do despacho a que diz reportar-se.


2. Sobre o significado da Nota de Citação
Pretende-se fazer crer que o Juiz apreciou o mérito da providência e a despachou favoravelmente.
Completamente falso. O único acto processual que pode ter sido praticado nos autos é a ordem de citação do requerido para deduzir oposição no prazo legal. Nada mais do que isto.

3. Sobre a pretensa suspensão do acto eleitoral ordenada pelo Juiz

Igual e grosseiramente falso. O requerente da providência cautelar não pediu a suspensão do acto eleitoral, mas, apenas, a suspensão da admissão da lista A. Não poderia, pois, o Juiz conhecer além do que lhe foi pedido, sob pena de excesso de pronúncia – e de consequente nulidade – mesmo em fase de apreciação de mérito, o que como se explicou, não é o caso.

4. Sobre a pretensa aplicabilidade do art. 397, n.º 3 do Código de Processo Civil

Falso também. A previsão do referido preceito reporta-se ao conceito de “deliberações sociais”, sendo estas, nos termos dos artigos 177º e 178º do Código Civil somente as deliberações das Assembleias Gerais e não de quaisquer outros órgãos sociais.

Neste sentido e abundantemente se tem pronunciado o Supremo Tribunal de Justiça.

Invocam-se, pela sua exemplaridade e clareza, os seguintes Acórdãos:

Acórdão de 17.10.89 – Afirma expressamente que, apesar de uma associação (como é o caso de um Clube) ser constituída por diversos órgãos, “apenas a assembleia-geral emite resoluçõe

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Coerência

Parabéns, meninas

Obrigação

Banco

Exemplar

Madrugadora

Pouco

Inconsistência

Confrangedora

Arrasador

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds