VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

Absurdo

Resultado perfeitamente absurdo contra uma equipa pouco mais do que mediana. Temos a mania de tentar fazer bichos-papões dos nossos adversários, mas do que vi esta noite o PAOK é uma equipa muito inferior ao Benfica. Foi preciso uma dose industrial de incompetência, no ataque e na defesa, para conseguirmos não só não ganhar este jogo mas também não sair desta noite com a eliminatória praticamente resolvida.

 

 

Nem vou escrever muito mais sobre o jogo. Há muito, muito tempo que não saía do estádio tão irritado com tanto desperdício. Se me pusesse a falar dos lances de golo cantado que a nossa equipa desperdiçou, ficaria aqui até de madrugada. E depois bastou baixar a guarda uns momentos e o PAOK ter uma ocasião para sofrermos um golo. Com a agravante deles terem tido não uma, mas duas oportunidades na mesma jogada. Livre lateral, e primeiro rematam à barra para depois terem todo o espaço no centro da nossa área para fazerem a recarga. Isto enquanto assistimos a 95% dos nossos cantos e livres laterais serem sistematicamente cortados logo pelo defensor mais próximo da bola. Somos incapazes de levantar a bola para o coração da área, e esta quase nunca passa do primeiro defesa. Há jogos em que uma pessoa sai frustrada porque teve uma grande dose de azar, ou o guarda-redes adversário teve uma noite memorável. Hoje foi apenas e só incompetência na finalização por parte dos nossos jogadores. Só chegámos ao golo através de um penálti marcado pelo Pizzi, e antes disso já ele tinha falhado pelo menos três situações flagrantes de golo. E então aquele lance perto do final do Ferreyra é de bradar aos céus. O João Félix levanta a cabeça e mete-lhe a bola redondinha para o deixar isolado em frente ao guarda-redes, e ele faz o favor de rematar praticamente à figura. Em contraponto, o PAOK marca no único remate que faz à baliza - o nosso guarda-redes não fez uma defesa.

 

Espero sinceramente que consigamos corrigir isto na segunda mão - face ao volume de oportunidades criadas, bastaria acertar para aí 10% para termos um jogo tranquilo. Porque ser eliminado da Champions pelo PAOK seria mais ou menos equivalente a sermos eliminados pelo Rio Ave ou pelo Marítimo, sem desprimor para estas equipas. O PAOK pareceu uma equipa do meio da tabela no campeonato português. Vem jogar para o pontinho, tenta sobreviver, e depois arranjar algum contra-ataque ou bola parada para fazer o golinho salvador. Têm um central que jogava no Feirense e a figura da equipa jogava no Setúbal. O autor do golo é outro jogador que nem no Feirense ficou. E nós conseguimos ser incompetentes ao ponto de os deixar em vantagem para o jogo em casa. O empate final a um golo é um resultado profundamente injusto e imerecido, mas quem falha tanto como nós nos dedicámos afincadamente a fazê-lo durante noventa minutos está sujeito a estas coisas.

tags:
publicado por D`Arcy às 23:12
link do post
De antonioSLB a 22 de Agosto de 2018 às 09:48
"Resultado perfeitamente absurdo contra uma equipa pouco mais do que mediana." - Tão mediana que despachou o Spartak Moscovo e o Basileia que nos tinha goleado o ano passado, não sofrendo qualquer derrota nesses quatro jogos;
"Há jogos em que uma pessoa sai frustrada porque teve uma grande dose de azar, ou o guarda-redes adversário teve uma noite memorável. Hoje foi apenas e só incompetência na finalização por parte dos nossos jogadores" - Se a noite do guarda redes não foi memorável então ganhámos o jogo por 9-1, fez apenas 8 defesas de remates para golo. Estaria preocupado é se não criássemos oportunidades de golo, com 50% de eficácia tínhamos resolvido a eliminatória ontem.
De D`Arcy a 22 de Agosto de 2018 às 11:52
Lá está a mania de fazer bichos-papão dos adversários. O Basileia do ano passado não é o Basileia deste ano. O facto de termos feito uma exibição deplorável o ano passado em Basileia não faz do Basileia um colosso europeu, e muito menos do PAOK uma equipa excepcional. O PAOK seria uma equipa do meio da tabela em Portugal, e o Fenerbahce tinha um conjunto de jogadores muitíssimo superior a estes gregos. Repito, o PAOK tem jogadores que eram do Feirense.

O guarda-redes fez oito defesas? Pois, se um jogador isolado lhe remata praticamente à figura, até podia fazer mais. A mim preocupa-me tanto a incapacidade de criar situações de golo como a incapacidade para as concretizar, porque o resultado final é exactamente o mesmo. Sobretudo quando os adversários raramente mostram tamanha capacidade de desperdício. Se eu já achava que o Benfica tinha praticamente a obrigação de eliminar o PAOK, depois do jogo de ontem essa convicção saiu reforçada. Sermos eliminados da Champions por esta equipa seria um supremo exercício de incompetência.
De antonioSLB a 22 de Agosto de 2018 às 13:18
Gonçalo, a única coisa que podemos criticar no jogo do Benfica é a falta de eficácia. Com uma taxa de eficácia de 50% teríamos resolvido ontem a eliminatória. E depois veio ao de cima uma máxima muito batida no futebol, "quem muito desperdiça e não marca arrisca-se a sofrer". Se temos feito um ou dois golos antes do penalti, estávamos agora todos contentes com a eliminatória ganha, o jogo teria sido bem diferente. O Benfica jogou bem a maioria do tempo, faltou as bolas entrarem.
O Benfica tem um erro na defesa e sofre 1 golo, 100% de eficácia para os gregos. O nosso guarda redes faz zero defesas no jogo. Em contrapartida o grego fez 8(!), uma ou outra mais fácil mas a maioria grandes defesas, bolas de golo.
É evidente que ontem ficou demonstrado que o Benfica é muito superior ao PAOK, técnica, táctica e fisicamente. No entanto isso não quer dizer que o PAOK seja uma equipa fraca como se quer fazer crer. O PAOK pode não ter individualmente os nomes do Fenerbahçe, mas funciona muito melhor como EQUIPA. Entrou em campo a querer algo do jogo e a tentar fazer um golo, ao contrário dos turcos que desde o início jogaram para o 0-0 e no final até tentaram segurar a derrota por 1-0. Para mim este PAOK que eu vi ontem e nas pré eliminatórias anteriores com o Basileia e Spartak era equipa perfeitamente para se bater em Portugal pelo 3º lugar com Braga e Sporting. O 10 Pelkas que jogou no Vitória de Setúbal evoluiu muito e está um jogador muito interessante. Dos que falas do Feirense, o Varela que cabeceou à barra no lance do golo é internacional por Cabo Verde e é um jogador muito possante. O outro, o egípcio Warda que fez o golo, é muito rápido e bom tecnicamente, agitou claramente o jogo deles. Estranho não ter jogado de início. E não chegou a jogar no Feirense, só lá esteve 2 dias, começou a assediar as mulheres dos companheiros e foi despedido!
O Sálvio estava em grande forma, fez muita falta, é o jogador que mais acelera o nosso jogo no ultimo terço do campo e já deverá jogar, não foi lesão mas sim indisposição gástrica. E seria muito bom que o Jonas já pudesse ser convocado, embora deva ter muita falta de ritmo.
Vamos ter confiança, se o passado nos diz algo, é que nas duas vezes que jogámos no estádio deles, vencemos as duas. Somos melhores, vamos ter esperança.
Agora o importante é pensar e concentrar a 100% em vencer os lagartos no sábado. Até para dar mais moral e confiança para Salónica.
De D`Arcy a 22 de Agosto de 2018 às 13:47
Tudo isso está certo. Mas já agora pergunto se o Pelkas, o Varela ou o Warda teriam sequer lugar no plantel do Benfica (o Varela, já agora, marcou-nos um golo quando estava no Feirense).
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

#Reconquista

Um

Crer

Proveitosa

Pujante

Deplorável

Firme

Soberba

Complicado

Merecida

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds