VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Sexta-feira, 12 de Abril de 2024

Curta

Uma vitória que, a julgar pela reacção da maioria do público presente na Luz no final do jogo, terá sido curta em relação às expectativas, sobretudo depois daquilo a que assistimos durante o jogo. Uma noite que fica sobretudo marcada pela justa homenagem ao 'meu' treinador do Benfica, que esteve no relvado acompanhado de muitos dos jogadores que tanto ajudaram a fazer-me a mim e a tantos outros da minha geração benfiquistas.

1.jpg

Terceiro jogo consecutivo a apresentar o mesmo onze, o que se não foi algo inédito esta época deve andar perto disso. A história do jogo conta-se em poucas palavras: tivemos, durante cerca de uma hora de jogo, no Marselha um adversário quase inexistente. Mesmo tendo sempre a sensação de que nem estávamos a acelerar muito, dominámos completamente o jogo perante um adversário inofensivo no ataque, que revelava má organização defensiva e deixava imenso espaço à frente da sua defesa. Como habitualmente, procurámos quase incessantemente o Di María para decidir as jogadas de ataque. O Bah desperdiçou de forma quase inacreditável a primeira grande ocasião ainda numa fase inicial do jogo, mas chegámos à vantagem de forma relativamente rápida: à passagem do primeiro quarto de hora, e na finalização de uma boa jogada colectiva que começou nos pés do Trubin, o Rafa aproveitou o passe do Tengstedt na zona central da área e fez o golo (o passe nem foi particularmente bem feito, mas mérito para a forma como o Rafa ainda conseguiu recepcionar a bola apesar de lhe ter sido passada demasiado para trás). Não houve reacção do Marselha ao golo e continuou tudo na mesma, ainda e sempre com a sensação de que não havia grande urgência por parte do Benfica em voltar a marcar.

2.jpg

O que se manteve no regresso para a segunda parte, mas ainda nos minutos iniciais e perante tão pouca oposição, o Benfica chegou mesmo ao segundo golo. Mais uma boa jogada do Benfica, em transição após uma bola recuperada à entrada da nossa área, colocou-nos em situação de superioridade no ataque, com quatro jogadores para apenas três defesas adversários. Já dentro da área, boa combinação entre o Di María e o Neres, com este a deixar a bola atrasada para uma finalização relativamente fácil do primeiro. Uma vez mais, reacção nula por parte do Marselha, e nesta altura a sensação geral seria que com um bocadinho de esforço o Benfica até poderia deixar o assunto quase resolvido na primeira mão. Mas ao fim de uma hora mais uma vez começou a ficar a sensação de que houve alguma quebra física por parte da equipa - digo isto porque da bancada começa a ser visível que a maior parte dos jogadores começa a correr muito menos sem bola. Foi mais notória nos jogadores da frente, mas estendeu-se depois aos médios, porque começámos a perder o meio campo. Para piorar as coisas, as facilidades que encontrámos até então devem também ter influenciado o António Silva, que sendo o último defesa e perante o jogador mais perigoso do Marselha, em vez de jogar simples e cortar a bola tentou controlá-la para sair a jogar. Foi desarmado, deixando o Aubameyang sozinho para correr até à baliza e fazer o golo. Um erro muito básico do nosso defesa. Do banco, a nossa reacção ficou-se pela troca conservadora do Neres e do Tengstedt pelo João Mário e o Marcos Leonardo. Eu já não vou estar a bater na tecla das substituições, nesta altura acredito que seja uma questão religiosa da parte do nosso treinador e eu não gosto de mexer com as crenças dos outros. Com três jogos de alta intensidade no espaço de nove dias, apresentando sempre o mesmo onze e nunca fazendo todas as substituições, se se insiste nesta opção só pode mesmo ser por crença. A sensação geral que ficou foi no entanto que houve um certo conformismo da nossa parte e uma opção por segurar a vantagem mínima, em vez de ir à procura de algo mais. O que, obviamente, não caiu bem num público que durante uma hora tinha visto o quão superior o Benfica conseguia ser ao Marselha. Não foram surpresa portanto (pelo menos para mim) as manifestações de desagrado no final.

3.jpg

Consegue enervar muita gente pelos exageros que comete, mas acho que o Di María volta a ser o destaque do Benfica. A verdade é que a equipa está sempre à procura dele para que decida, o que também o leva aos tais exageros. Marcou um golo e esteve como sempre na maioria dos lances de perigo que criámos. Outras exibições positivas da parte do Rafa, Neres, João Neves e Bah.

 

Perante as manifestações de desagrado no final, o nosso treinador afirmou que os assobios parecem fazer parte do Benfica. É possível que seja verdade, mas é preciso que perceba quando e como é que eles aparecem. Os benfiquistas não assobiam por assobiar, e nem sequer o fazem por causa dos resultados. Já vi a equipa ser assobiada depois de vitórias (como ontem) e aplaudida depois de resultados negativos (como a semana passada após o empate no jogo da taça). É tudo uma questão de atitude. O que os benfiquistas querem é chegar ao final dos jogos com a sensação de que demos tudo em campo pelo melhor resultado possível. E ontem não foi essa a sensação com que ficaram. De qualquer maneira, e tendo em conta não só aquilo a que assistimos ontem mas também o momento actual do Marselha, acho que temos todas as condições para conseguir o apuramento. Desde que não decidamos ir para França jogar com mentalidade pequena - e vem-me imediatamente à memória o nosso jogo em Toulouse. Se assim for, então poderemos passar por grandes dificuldades.

tags:
publicado por D'Arcy às 11:27
link do post | comentar
23 comentários:
De Anónimo a 12 de Abril de 2024
os assobios foram uma absoluta estupidez. malta dos quinje a jero. se o eriksson fosse o treinador hoje em dia faziam-lhe igual. hipócritas. parece que jogámos contra o riachense. sem um erro infantil tinha ficado resolvido. é claro que com 2-1 não podíamos jogar à maluca, mais ainda quando temos uma equipa tão desequilibrada para reagir à perda.
De anónimo a 12 de Abril de 2024
Coitado de ti oh quinje a zero. O futebol para ti é areia demais para o teu miolo.
O teu pequeno Benficazinho não joga nada e ainda por cima só dá abébias. Pior só o treinador, que, coitado, é mesmo básico. Bom apenas para os quinje a zero como tu.
De Anónimo a 12 de Abril de 2024
Boa tarde.
Antes de tudo, GRANDE, GRANDE, GRANDE ERICKSON! Que merecida e belíssima homenagem!
O problema é que deu para ver a qualidade do plantel de então e relembrar os grandiosos jogos que fazíamos na altura.
Porquê problema?
Porque nos dias de hoje, é ABSOLUTAMENTE LAMENTÁVEL aquilo a que estamos a assistir: um treinador COMPLETAMENTE divididos sócios e adeptos. Em 5 substituições fazer 2 é gozar com as pessoas. Toda a gente viu o Di Maria e o Rafa completamente rebentados (correram muito na 1ª parte) e não foram substituídos. Porquê? Alguém é capaz de explicar? Não me acredito que o treinador se tenha apercebido. Anda CLARAMENTE a gozar com a nossa cara. Sabe que está a prazo e faz isto com cinismo. Lembram-se do Heynkes? Dizia num portunhol: "se querem que me vá embora, vou-me embora". Alemão, mas não tão teimoso. Também ele na sua época não estudava as equipas adversárias do nosso futebol. Manias! Mas pelo menos não dava férias a mais aos jogadores ou dáva-lhes folga nas vésperas dos jogos (Dragão e Alvalade).
Houve assobios e lenços brancos na Luz? Noutros tempos haveria também concentração fora do estádio para pressionar a Direção. Com tanto dinheiro mal gasto, vale a pena dispender de 22 milhões para correr com Schmidt e a sua equipa.
HAJA RESPEITO!
De Luis Agostinho a 12 de Abril de 2024
"Loucura é querer resultados diferentes fazendo tudo exatamente igual!" Albert Einstein

Já perdi a esperança e nada disto me surpreende. Mantenho tudo o que tenho dito desde o inicio da época.

Se o treinador só usa 13 jogadores, para quê o plantel tão extenso e com tanta qualidade, literalmente a aquecer o banco?

Ontem tive oportunidade de rever no relvado muitos dos meus ídolos de infância, de juventude, de jovem adulto...faltam os que já cá não estão, Chalana e Bento e tantos outros, os de antes de eu nascer como Eusébio e Coluna, que também já partiram, mas, mesmo assim, uma maravilhosa viagem pelo tempo, e tanto BENFICA naquele relvado. E claro, o centro da noite, que foi o Mister Eriksson. O tempo passa e muitas vezes nem damos por isso, ocupados no nosso dia-a-dia e pouco tempo temos para parar e pensar, mas ele não para e continua inexoravelmente a avançar, e só nos lembramos disso nestes momentos. Até sempre Mister.

PS. Não tinha noção de que o "luvas pretas" era tão baixinho...

Saudações Benfiquistas
De D'Arcy a 12 de Abril de 2024
Para nós eles eram todos gigantes (e continuam a sê-lo).
De Luis Agostinho a 12 de Abril de 2024
E eram, e eram, todos gigantes, por isso fiquei um pouco surpreendido, e continuam a sê-lo para sempre.
De Nick Name a 12 de Abril de 2024
Para o bem ou para o mal, o Benfica esta época está vada vez mais previsível. Mesmo antes do jogo, já sabemos que: 1) Quem vai ter que resolver o jogo vai ser o Rafa e/ou o Di Maria 2) O Tengstedt não vai marcar 3) O Florentino não vai fazer um passe de rotura 4) O Schmidt não vai fazer nenhuma substituiçáo com impacto no jogo 5) Vão ficar no banco dezenas de milhões investidos em jogadores que pouco ou nada jogam 6) Os adeptos vão ficando cada vez mais irritados ao longo do jogo e no fim vão vaiar 7) Na conferéncia de imprensa Schmidt vai dizer que foi um "top game".
E no dia seguinte claro vai aparecer aqui o energúmeno do costume a debitar os disparates do costume. Tudo muito previsível, tudo tristonho e com toda a franqueza o nosso SLB merece melhor.
De Anónimo a 12 de Abril de 2024
Concordo com todos os comentários que li até agora,já não há pachorra para este pseudo master schmerda
De BI-CAMPEÃO EUROPEU a 12 de Abril de 2024
Oh BÁCORO, tu realmente como energúmeno não tens rival!!!
Mas mais do que um reles energúmeno de 6ª apanha, o que tu és é um verdadeiro MONTE DE ESTERCO PUTREFACTO.

Viva o Glorioso SLBENFICA com pessoas de mente sadia, e inteligência bastante para viver o Benfica com verdade.

Fora com o BÁCORO energúmeno de 6ª apanha.
De Nick Name a 13 de Abril de 2024
Interessante como alguém enfia por iniciativa própria a carapuça de energúmeno. Fantástico, não? E previsível, como eu tinha referido!
De BI Campeão Europeu a 14 de Abril de 2024
Só um a acéfalo como tu não percebe quem covardemente querias atingir, seu mais que monte de esterco.

Benfica sempre
De Nick Name a 14 de Abril de 2024
A isto chama-se enfiar a carapuça, e até ao pescoço. É interessante verificar que o simples uso do termo "energúmeno" faz com que se identifique fácilmente a quem ele se refere, até o dito cujo. A bem dizer, até gosto de ler estas tiradas, já em criança quando ia ao circo me divertia com os palhaços.
De BI Campeão Europeu a 14 de Abril de 2024
Um palhaço tem de certeza muito mais dignidade só que um . pacóvio monte de esterco com tu.

Benfica sempre.
De Anónimo a 12 de Abril de 2024
Concordo com tudo menos com o comentário dos quinje a zero claro esqueci me desse
De Fernando Valente a 12 de Abril de 2024
O meu Benfica habitual desta época, aos olhos do cego treinador correm até 200km hora, se formos com esta sede ao pote em Marcelha sairemos trocidados, , jogar devagarinho até que chegue o sono ao coveiro central A S, começou a assim a época enterrando-nos e finda a mesma,para bem dele o melhor era descansar uns tempos, com centrais de sobra, haja paciencia, fizeram dois jogos com mais aperto hoje estão rotos.Estou sem paxorra para ver o resto da época, para o ano com este cego bastam-nos 18 jogadores, baixamos os custos.
De Luís Manuel a 13 de Abril de 2024
Olá D'Arcy, e obrigado pelo post. Boa análise ao jogo, que poderíamos muito bem ter vencido por 3 e acabámos por ir para França com a eliminatória em aberto. Eu disse que com o Rangers a melhor coisa que nos aconteceu for termos empatado na Luz, e (embora Rangers e Marselha sejam equipas diferentes) talvez este resultado não seja tão 'mau' assim, pois não podemos adormecer. Ou jogamos nos limites em Marselha (onde não é fácil jogar, como não era em Glasgow), ou não passamos às meias-finais. E seria uma pena, porque este Marselha não nos é superior. Acredito que se fizermos um jogo de superação podemos passar.

Estou tão grato a Eriksson que nunca terei palavras para lhe agradecer. Nem para expressar o que senti, mesmo (com muita, muita pena minha) não tendo podido ir à Luz e ter visto apenas a homenagem em imagens, entrevisats e fotos. Engrandeceu de tal maneira o Benfica com a sua categoria, a sua integridade, a sua educação e o seu cavalheirismo que da grandeza do Benfica Eriksson nunca poderá ser dissociado. Antes pelo contrário. Mereceu tanto, mas tanto, vencer uma final europeia pelo Benfica. E acho que no nosso coração venceu duas. Não estão no Museu do Clube, mas por vezes não precisam de estar.

De BI-CAMPEÃO EUROPEU a 13 de Abril de 2024
Caríssimo grande Benfiquista, LUÍS MANUEL, subscrevo o seu comentário, correctíssimo e assertivo como sempre!!!

Na parte dedicada ao nosso ex-grande treinador Sven Goran ERIKSSON, nestes tempos a lidar com uma situação muito difícil, as suas palavras são absolutamente fascinantes e emocionantes.

Muito obrigado pelo seu Benfiquismo INTEIRO e SÉRIO.

Saudações da nossa Águia Real.

BENFICA BENFICA BENFICA............ Sempreeeeeeeeeeeeeee
De Luís Manuel a 13 de Abril de 2024
Obrigado, caro Bi-Campeão.

A notícia sobre o estado de saúde de um dos maiores treinadores da nossa história foi um choque para todos nós, por isso nem quero imaginar o que terá sido para Eriksson e para a sua família. Mas vemo-lo falar e ele continua sempre sereno e feliz. Um homem íntegro e de uma coragem enorme. Brilharam-lhe os olhos de felicidade e emoção durante a homenagem. Disse que é grato ao Benfica, mas nós somos-lhe tão gratos para sempre.
De BI-CAMPEÃO EUROPEU a 13 de Abril de 2024
Certíssimo. Absolutamente de acordo.
Parabéns pelo seu Benfiquismo.

Benfica Sempreeeeeeeeeeeeeeeeee o Maior e o Melhorrrrrrrrrrrrrrrrr
De BI-CAMPEÃO EUROPEU a 13 de Abril de 2024
No jogo de hoje do Benfica B contra o AVS para a 2ª Liga, o APITADOR de "serviço" conseguiu "VER" um penalty contra o Benfica aos 98 minutos, o lance deu golo e de seguida acabou o jogo!!!

Assim vai o futeboleco em PORCOgal!!!!
Realmente o BENFICA precisa de emigrar!!! emigrar para longe desta ESCUMALHA.

Podíamos jogar em Espanha contra Real e barça e Atlético, etc,etc,etc,.. faríamos muito mais receitas e deixar+iamos o futeboleco PORCOguês a aprodecer na FALÊNCIAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA.

BENFICA BENFICA BENFICA. Sempreeeeeeeeeeeeee

P.S. toda a merdita em Porcogal ROUBA E GOZA com o Benfica!!!!
Eles sabem que temos "passarinhos" a "dirigir" o Clube!!!!
De Ricardo a 14 de Abril de 2024
O sr Rui Costa já deve estar a preparar mais uma Gala para resolver o assunto.
De Anónimo a 15 de Abril de 2024
Há uma gaja que disse o seguinte: «É o Sporting que pode perder o campeonato e não o Benfica que o pode ganhar».
Ora bem, se o benfica o não pode ganhar, quem é que o vai ganhar. O porto? O braga?
Essa oliveira só dá mesmo caroço.
De Antonio Lopes a 15 de Abril de 2024
E no fim toca a assobiar.
Cretinos serão sempre cretinos.

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Maio 2024

Abril 2024

Março 2024

Fevereiro 2024

Janeiro 2024

Dezembro 2023

Novembro 2023

Outubro 2023

Setembro 2023

Agosto 2023

Maio 2023

Abril 2023

Março 2023

Fevereiro 2023

Janeiro 2023

Dezembro 2022

Novembro 2022

Outubro 2022

Setembro 2022

Agosto 2022

Maio 2022

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Apropriado

Despedida

Vergonha

Emendar

Calendário

Poucochinho

Gestão

Curta

Perdido

Frustrante

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds