VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Sábado, 31 de Outubro de 2015

Fácil

Um jogo que o Benfica cedo tornou fácil resultou numa vitória folgada, obtida sem grande esforço aparente. Foi o cenário ideal para recuperar de dois resultados negativos e ajudar a recuperar animicamente a nossa equipa.

 

 

Algumas alterações para este jogo, a começar nas laterais. O Sílvio passou da direita para a esquerda, e do outro lado a surpresa com a estreia absoluta do moçambicano da equipa B Clésio. O Eliseu passou directamente para a bancada. No meio campo, uma opção bastante mais ofensiva com o Talisca a fazer o André Almeida sair do onze após a desastrosa exibição do último jogo. Nem sequer deu tempo para começarmos a ter qualquer tipo de preocupação neste jogo, pois logo aos três minutos, e na primeira vez que chegámos à baliza adversária, marcámos. Mais uma assistência do Gaitán, que fez o cruzamento quase sobre a linha final, e mais um golo do Jonas, que cabeceou a bola sobre o guarda-redes adversário, aproveitando um certo mau posicionamento deste. Apenas mais alguns minutos decorridos e já o marcador funcionava novamente, desta vez num autogolo do Berger, que atabalhoadamente e sem estar sequer pressionado enviou uma rosca para dentro da própria baliza depois de um cruzamento do Jonas. Com dois golos de vantagem ao fim de doze minutos de jogo, as coisas ficavam praticamente resolvidas e portanto o Benfica pôde jogar de forma pausada quase descontraída, gerindo o esforço para o jogo da Champions. Pareceu-me que nos limitámos a controlar a bola e o ritmo sem forçar praticamente nada, pelo que o jogo nem foi particularmente interessante de seguir. O melhor momento acabou por surgir na jogada do terceiro golo, obtido perto do intervalo. Bom passe do Jonas para a desmarcação do Gonçalo Guedes, que evitou o guarda-redes e depois marcou de ângulo já algo apertado. Eficácia mais do que absoluta do Benfica, que chegou ao intervalo com três golos marcados em dois remates feitos. Melhor era difícil.

 

 

A segunda parte foi para mim ainda menos interessante de seguir. O Benfica pareceu dedicar-se quase em exclusivo a deixar correr o tempo sem despender grande esforço, e o Tondela fez o que podia para tentar chegar a algum golo que pudesse no mínimo lançar um pouco de incerteza no desfecho do jogo. Mas sinceramente nem me recordo de algum lance com sequer indício de perigo. Mesmo perante este ritmo o Clésio acabou por ceder fisicamente e teve que ser substituído na estreia. Quase que dava para adormecer a ver o tempo passar, mas as coisas lá acabaram por animar um pouco nos vinte minutos finais, depois da troca do Gaitán pelo Carcela. Apesar de algum excesso de individualismo, o marroquino acabou por mexer com o ataque na busca de um golo. Ameaçou com um remate muito bem colocado que foi correspondido com uma defesa muito boa do guarda-redes, mas pouco depois acabou por conseguir mesmo o desejado golo, num remate rasteiro de fora da área após um canto. Acabou por ser o ponto alto de uma segunda parte enfadonha, na qual há a assinalar a estreia do Renato Sanches pelo plantel principal, tendo entrado a quinze minutos do final para o lugar do Jonas.

 

 

A destacar alguém no Benfica, escolho o Jonas, que marcou um golo e assistiu para os outros dois (se por acaso se pode considerar uma assistência num autogolo). Gostei do Samaris, e o Carcela conseguiu mexer com o jogo quando entrou - mas, conforme disse, revelou-se demasiado individualista em algumas ocasiões. Sem ter nada contra ele, confesso que não percebi a aposta no Clésio. Nunca tinha jogado naquela posição, e mesmo na equipa B raramente é opção sequer para a posição dele. Durante o jogo não me impressionou, o que até acho natural dado que juntava à estreia na equipa principal a estreia também a lateral. O Rui Vitória disse no final que ele tem sido trabalhado naquela posição e tem evoluído bastante, e como quem trabalha com os jogadores durante a semana é ele, então saberá melhor os motivos para esta aposta.

 

É um tanto ou quanto estranho que tendo o Benfica vencido por números tão confortáveis, o apito final tenha chegado e eu tenha ficado ocom a sensação de que a exibição nem sequer foi de encher o olho. Se calhar os golos tão cedo permitiram ao Benfica jogar de forma mais pausada. De qualquer forma o importante é mesmo a primeira vitória fora, e por números dilatados. Parece-me que um jogo tranquilo destes era o que esta equipa necessitava nesta altura. Agora é trabalhar para dar um passo decisivo para a qualificação na próxima terça.

tags:
publicado por D`Arcy às 01:26
link do post | comentar
16 comentários:
De Zico a 31 de Outubro de 2015 às 02:20

É absolutamente EXASPERANTE, a quantidade de faltas e faltinhas que qualquer apitador INVENTA contra o Benfica. Os nossos jogadores estão proibidos de disputar uma bola e ganhar o lance, pois, caindo ou deixando-se cair o adversário, logo aparece o BUFADOR do apito a "entrar" no jogo.
Como é possível nós Benfica com 58% de posse de bola ( 42% para o Tondela), tenhamos tido 25 faltas contra nós assinaladas, e o adversário apenas 17 contra si? Se fizerem as contas a diferença é de 47% mais de faltas marcadas contra nós, que tivemos mais 38% de posse de bola do que o adversário.
Não compreendo como é que pode o BI-CAMPEÃO de Portugal, mais ainda, o seu MAIOR E MELHOR Clube a todos os níveis, ser ao mesmo tempo o mais mal tratado e desrespeitado?!" UM VERDADEIRO PARADOXO.

Penso que da parte da Direcção do Clube, do Presidente e dos Sócios e Adeptos, TODOS, TODOS, TODOS..... há muito a fazer nesta matéria para acabarmos com esse autêntica BENDALHEIRA dessa BANDITAGEM que tudo faz por debaixo da mesa para TRAMAR o BENFICA.
Não posso admitir, NUNCA NUNCA NUNCA, porque não sou nem RESIGNADO nem CONFORMADO, que o Maior e Melhor Clube de Portugal seja tratado como se fosse o autêntico MEXILHÃO do futeboleco PORCOguês.

Já era mais do que tempinho de os dirigentes do Benfica - que parece alguns que só estão à espera dos fins de mês para ver os chequezinhos da ordem - , tomarem uma POSIÇÃO FIRME sobre os apitadores.
Calam-se como ratos medrosos. Um amigo Benfiquista em conversa me disse até que se fosse possível nomear o bimbo corrupto do porco, ou o seu IMITADOR BARATO burro de parvalho que faz que é presidente do riporting de alvalixo, para qualquer deles apitarem os nosso jogos, nem assim esta Direcçãozinha de INCAPAZES era capaz de dizer ao menos um "AI"!!!!
O Costume. Avancemos, mas não IGNOREMOS.

Quanto ao jogo contra tão frágil adversário, tudo normal. Penso que o BENFICA tem de jogar muito mais e melhor e marcar uma real diferença em todos os processos do jogo, que a nível individual quer colectivo.
Continuo, infelizmemte a ver uma espécie de Vit. de Guimarães vestido à BENFICA.
Gonçalo Guedes, CRAQUE CONFIRMADÍSSIMO. Titularíssimo e de SANGUE VERMELHO. absolutamente BENFIQUISTA.
O "menino" RENATO SANCHES, jogador que sigo e admiro desde os seus 16 anos, SUPER-CRAQUE CONFIRMADÍSSIMO. Veja-se o à vontade e a naturalidade com que entrou no jogo. Neste momento, é já, no Benfica e em todo o futebol português o médio centro com melhor qualidade de passe. Não era só o também nosso grande Fernando Chalana que era um predestinado. Este RENATO SANCHES também o é. DE CERTEZA ABSOLUTA.
Pela forma como se movimenta, corre, e consegue reter a bola, faz-se lembrar o nosso também grande João Alves, o luvas-pretas.
Aprecie-se a espontaneidade e a qualidade superior do passe de RENATO SANCHES. O adversário quando o vê em posse de bola em movimento, nunca sabe se ele vai prosseguir com a bola ou se a vai passar a um colega. Quando menos o espera lá sai um passe de qualidade de execução só ao nível dos génios. Falta o também excelente NUNO SANTOS, que também é craque CONFIRMADÍSSIMO. O Nosso BENFICA TEM OS MELHORES JOGADORES - de longe - nas camadas jovens. Estes três referidos são a prova disso mesmo. Mas há mais. Esperem por um negrinho AVANÇADO, com apenas 16 anos e já TITULARÍSSIMO nos júniores, de seu nome JOSÉ GOMES, que vai ser um GRANDE GOLEADOR DO BENFICA juntamente com Gonçalo Guedes.
O Nosso BENFICA só precisa de um treinador INTELIGENTE e à BENFICA, e de um Presidente, Direcção e MASSA ASSOCIATIVA, que exija o MÂXIMO de cada atleta que envergue o MANTO SAGRADO VERMELHO com a nossa ÁGUIA ao peito, mas que seja capaz de garantir a todos os atletas e treinadores, que eles apenas terão de jogar contra 11 adversários e não contra 14 ou 15 que é o que vem acontecendo já há tempo demais.
Quanto a L.F. Vieira, falou bem, mas a resposta ao GRUNHO PARVALHO deveria ser muito mais FORTE, DURA, LETAL.
Odeio esse ESCABROSO e ASQUEROSO trinca bolotas boca de lavagem com voz de bagaço, SIM, ESSE burro parvalho, A QUEM DESEJO O pior de tudo que lhe possa acontecer na vida. ODEIO ESSE DEFECADO.

BENFICA BENFICA BENFICAAAAAA. Sempre O Maiior e o Melhorrrrrrrrrr.
De M. Lopes a 31 de Outubro de 2015 às 09:15
Uma vitória fácil, contra uma equipe muito limitada. Pelo futebol praticado os deuses estiveram do nosso lado, ao marcarmos dois golos nos primeiros minutos.
Nesta altura da época era para jogarmos mais um bom bocado, não se consegue dar dois passes certos, é incrível que só em jogadas individuais se criava algum perigo, sinceramente fiquei preocupado pela qualidade, melhor dizendo pela falta dela, do futebol praticado pelo nosso Benfica.
Nunca assisti a um jogo do nosso Glorioso com tão poucos adeptos, não me venham com a desculpa do dia ou da hora.

FORÇA BENFICA!!!!
De Henrique Teixeira a 31 de Outubro de 2015 às 10:11
Exibição sofrível com resultado muito bom; o que seria mau era jogarmos bem e perdermos.
Penso que depois dos 2 golos fáceis e madrugadores a equipa relaxou, poupando-se para o jogo da próxima 3ª feira.
Não entendi aquela estreia do Clésio num lugar aonde nunca jogou na equipa B. Penso que se o adversário não fosse tão modesto o Benfica podia pagar caro aquela estranha opção do treinador. Poderá ser um absurdo o que vou dizer mas penso que se o treinador tivesse na cabeça pô-lo a jogar na próxima 3.ª feira e agora não o possa fazer devido à lesão sofrida, apetece-me dizer que : "Há males que vêm por bem".
Creio que todos os Benfiquistas ficam satisfeitos com a promoção dos jogadores da formação, mas as coisas têm que ser feitas com critério, porque as pressas podem ser prejudiciais, tanto para os juniores como para a equipa B e equipa principal.
Não me parece acertada a ausência do Eliseu, por ser um jogador experiente, ofensivo e, rematar muito bem de fora da área.
Júlio César, Samaris, Jonas e Carcela foram os jogadores que mais me agradaram neste jogo.

De Manuel Afonso a 31 de Outubro de 2015 às 10:27
Venha o próximo.
De Zico a 31 de Outubro de 2015 às 12:27

Entretanto, e para não variar, o TRINCA BOLOTAS burro de parvalho, continuar a GRUNHIR, como representante da espécie de SUÍNOS que é. Basta retirarem-lhe da boca as bolotas que o FILHO DA PUTA começa logo a GRUNHIR. Agora a vítima é o árbitro Jorge Ferreira - este sim um dos poucos árbitros que consegue manter um mínimo de seriedade - , que vai arbitrar o jogo riporting / Estoril.
Esse DOENTE MENTAL de alto índice patológico é mesmo um ESCARRO com duas patas. Está a fazer "copy past" do corrupto bimbo da bosta do porco. Não passa de um ARREMEDO do "madaleno" "engenheiro chefe". A tátcica é a mesma: PRESSIONAR, PRESSIONAR, COAGIR, COAGIR,., sempre semrope sempre os apitadores. foi assim que bimbo da bosta cresceu e agora todos lhe fazem vénias. Se não se parar este monstrozeco enquanto é tempo, o bimbo da bosta tem o sucessor garantido. Com que consequências para o nosso BENFICA " dirigido" por um MANSO?!?!

Este BURRO PARVALHO se fosse ele próprio nomeado para "apitorar" o jogo do seu asqueroso clubeco também CRITICAVA o nomeador e pressionava-se a si próprio.

INTERNEM OU PRENDAM ESSE DEFICIENTE COGNITIVO. JÁ. ONTEM JÉ É TARDE.

BENFICA BENFICA BENFVICAAAAAAAAAAAAAAA SEMRPE O MAIOR E O MELHORRRRR
De António Matos a 31 de Outubro de 2015 às 12:45
Vitória gorda, exibição esquelética. Estamos perante o pior Benfica dos últimos 30 anos. As exibições confrangedoras, sucedem-se e nada tem a ver com gestão de resultados, poupanças ou com a cabeça dos jogadores noutro lugar. Não jogam melhor, porque o treinador está como o tolo no meio da ponte, sem saber o rumo que deve tomar, se é que tem em mente alguma ideia! Descer do paraíso ao inferno em 3 meses, é obra. Vitória conseguiu isso, num estalar de dedos. O treinador está ali, mas é como se não estivesse. Faz substituições sem nexo, mexe na equipa todas as semanas e atira jovens para a fogueira, como quem bebe um copo de água. Esta do Clésio , não lembra ao Menino Jesus. Um jogador que nem na equipa B joga e que ontem demonstrou porque é que isso acontece, entra de início e fica em campo até estoirar. Alguém percebe a mais recente opção de RV , de colocar o mexicano no lugar do grego? Alguém me sabe dizer, o que Raúl Jiménez anda por ali a fazer? Na retina, ficou mais um remate disparatado e sem nexo, a papel químico do que fez contra o Arouca, no mesmo estádio, na mesma área e exactamente no mesmo sítio. Um estandarte, como eu lhe chamo, por via da altura. A que título vai o Eliseu para a bancada e ocupa Sílvio o seu lugar? Mau por mau, prefiro 100 vezes o Eliseu ao Sílvio. Do Eliseu, pelo menos, ainda posso esperar um golo, pois ainda lhes restam forças para rematar à baliza. Já do Sílvio, é difícil esperar alguma coisa de jeito. Sílvio, sim, devia estar na bancada, pois não aporta nada à equipa, nem a atacar nem a defender. Uma vulgaridade, em qualquer posição. Aos poucos, o Vitória gordo, vai pondo o Benfica a jogar como as equipazinhas do meio da tabela para baixo, as equipazinhas para as quais está talhado. Pegando nas suas palavras, diria que o Benfica é uma nau à deriva, com um marinheiro de água doce, ao leme. Se os armadores não tomarem medidas, não tardará a ouvir-se do cesto da gávea : naufrágio à vista.
De Ogamaras a 31 de Outubro de 2015 às 13:09
Bom dia caro D'Arcy,

Hoje, como deve calcular, os comentários devem ser muito poucos, ao contrário da semana passada, que estão contados 51. Pudera, o Benfica venceu. Àh! e tal foi contra o Tondela. Pois eu ainda não me esqueci do Arouca.
Assim sendo, e contando, seguramente, que os "necrófagos" não atacarão hoje, permita que traga à liça um assunto que me continua a inquietar, e que é o seguinte:
Penso, que como a mim, a muitos de nós é distribuida a "Dica" (saberão todos o que é). Na Dica desta semana vem um assunto que me despertou a atenção, e li-o com algum interesse.
Com o título "Chuva de Estrelas Michelin", conta que 51 Chefes Michelin, entre portugueses e estrangeiros, fizeram não sei quantas refeições, não sei quantos cocktail's, de modo a que muita gente entendida no assunto, outros nem tanto, degustassem o que de bom tinham para oferecer aqueles "Chef's", naquela constelação de estrelas Michelin.

Pois bem, o curiosao vem no final da reportagem, que passo a transcrever: "Cada jantar custa 350€ (inclui cocktail, jantar com degustação de vinhos e de um after-dinner-cocktail, com a presença de todos os chef's), e são uma autêntica experiência para todos os sentidos.

350€, repararam bem? E porque é que aquele ranhoso chefe de claque lagartóide, agora armado em presidente daquela agremiação do lumiar, veio regurgitar aquele ódio todo ao Benfica, e à sua Direcção, insinuando que as refeições inseridas no vocher incluido no Kit que é oferecido aos árbitros, custam, diz ele, o ranhoso, entre 500 e 600€. Só em mentes mesquinhas, canhestras, invejosas, e não sei que mais, é que cabem lembranças deste recorte. E, parafraseando o Pedro Ferreira, no último "Lanças Apontadas", foi ver aquela canalhada toda de jornaleiros e paineleiros avençados a darem ênfase e extrapolação a tamanha falta de conteúdo futebolístico que emana daquelas mentes defectantes de ódio ao Benfica.

Ainda outra coisa. Alguém me sabe dizer se aquela agremiação incendiária já pagou os estragos que fizeram quando "botaram" fogo ao nosso estádio? Pagaram, ou ainda não pagaram?

Fico-me por aqui que já me estou a enervar!!!!!!

Viva o Benfica
De antonio fonseca a 31 de Outubro de 2015 às 14:15
Boa tarde,

Comentário fidedigno. Acrescento o meu: resultado justo com exibição paupérrima.

Para mim Silvio foi o melhor na defesa. Clésio para mim foi uma má aposta, creio que não tem pinta para jogar no Benfica, e para mais naquele lugar. Os centrais continuam a não acertar. Jardel uma nódos relativamente á época transacta.

No meio campo Samaris , esforçado mas exagerado no transporte da bola e nas faltas que comete, também errou passes comprometedores.

No ataque destaque para Jonas pelo que possibilitou o avanço no marcador. Gaitan péssimo jogo só se salvando pelo passe do 1º golo de resto, zero. Raul esforçado e pouco mais.

Uma pergunta aqui deixo: Será que Cristante não merece uma oportunidade, quando o nosso meio campo está uma lástima?.

Relativamente aos comentários que o nalgas fedorenho dos viscondes tem proferido, recebeu uma resposta adequada de LFV . Comentário acertadíssimo e sem muito ruído. Isto sim é a posição do nosso clube, sem arruaceiros e com posição firme no nosso comportamento quer dentro quer fora dele. É de lastimar que nalgas não tenha vindo comentar a xistralhada vergonhosa do jogo que eles ganharam ao nosso clube.

Sabemos que as arbitragens estão a ser pressionadas pelos nossos adversários ao título, mas é com atitudes destas e sem alarido que levaremos o camião á garagem desejada: 35º título.

Saudações benfiquistas.
De D`Arcy a 31 de Outubro de 2015 às 15:15
António Matos, o Mitroglou ontem não jogou por estar lesionado. Parece que nem sequer contra o Galatasaray poderá jogar.
De António Matos a 31 de Outubro de 2015 às 20:49
Caro D'Arcy , soube disso depois de dar a minha opinião. Só assim se justifica a sua presença na equipa, pois embora não seja fácil escolher entre ele e o grego, do Mitroglou sempre se pode esperar qualquer coisa. Saudações cordiais.

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Desnecessário

Desilusão

Estrelinha

Paciência

Incontestável

Difícil

Serenata

Crença

Evidente

Talento

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds