VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Domingo, 30 de Dezembro de 2018

Fogacho

Tinha escrito no final da fantástica exibição contra o Braga que seria fundamental manter o momento positivo já para o próximo jogo, porque se voltássemos a apresentar o nível exibicional dos jogos anteriores tudo teria sido em vão. Infelizmente, regressámos mesmo ao nível dos jogos anteriores, se é que não conseguimos jogar ainda pior. E assim fica no ar a sensação de que a exibição contra o Braga não terá sido mais do que um fogacho.

 

 

Nem podem ser as alterações na equipa a servir de justificação para uma quebra exibicional tão grande, já que elas foram apenas três e uma delas na baliza. Como habitualmente, jogou o Svilar entre os postes, e as outras duas mudanças no onze foram as entradas do Yuri e do Seferovic para os lugares do Grimaldo e do Jonas. Sobre o jogo, o que há a dizer? Entrámos mal nele e o Aves poderia ter marcado logo nos minutos iniciais. Depois ainda conseguimos equilibrar as coisas, sobretudo sendo capazes de ter mais posse de bola, mas sem conseguir causar grande perigo na frente. As poucas coisas boas que o Benfica ainda conseguia criar vinham quase todas dos pés do Zivkovic, mas o sérvio parecia quase sempre completamente desacompanhado pelo resto da equipa. Uma atitude muito pouco competitiva, que resultava na perda de quase todas as bolas divididas e muitos jogadores quase parados ou expectantes, a reagirem apenas quando a bola lhes era passada. De qualquer maneira quando fomos para intervalo até parecia que o pior tinha passado e que mesmo sem brilho acabaria por não ser demasiado complicado manter o empate, que nos garantia o apuramento.

 

 

Mas logo nos primeiros minutos da segunda parte o Aves colocou-se em vantagem. Um lance muito simples mas bastante ilustrativo das facilidades que o Benfica concedeu ao adversário. Uma perda de bola no ataque e o mesmo jogador que recuperou a bola correu praticamente dois terços do campo com ela sem que ninguém o parasse, até fazer o centro tenso para a área. Aí, o Baldé antecipou-se muito facilmente de cabeça ao André Almeida bem junto ao poste, sem possibilidades de defesa. Agora sim, estávamos em apuros e a equipa lá reagiu ao golo, ainda que de forma atabalhoada. O Aves também mudou de atitude (só nos dois minutos a seguir ao golo ficaram três jogadores estendidos no chão) e recuou na defesa de um resultado que lhe era obviamente interessante. E foi já com o Benfica a jogar em 4-4-2, depois do Jonas ter substituído o Cervi, que o Benfica chegou ao empate. Maior mérito para o Zivkovic, que aogra na esquerda conseguiu ganhar dois ressaltos e depois teve a lucidez suficiente para enviar a bola para a zona do segundo poste, onde o Seferovic estava suficientemente sozinho para de forma algo trapalhona ter tempo de tentar controlar a bola para depois a enviar para o fundo da baliza. Benfica novamente em situação vantajosa a vinte minutos do final, mas se o nosso futebol até então já não nos tinha dado motivos para grande satisfação então a partir desse momento foi simplesmente lamentável. O Aves tomou conta do jogo, dispôs de oportunidades para voltar a marcar que só não se concretizaram porque a pontaria deles estava desafinada, e o Benfica praticamente arrastou-se à espera do apito final que carimbaria o apuramento. Uma nota apenas para assinalar o regresso do Salvio à competição, após dois meses de ausência.

 

 

O melhor do Benfica claramente o Zivkovic, acompanhado a espaços pelo Gedson e pelo Fejsa, que foi dos poucos a meter o pé e a conseguir ganhar disputas de bola com os jogadores adversários. Tudo o resto foi demasiado pobre ou de má qualidade.

 

Não soubemos aproveitar o balanço que o jogo contra o Braga nos poderia ter dado e rapidamente voltámos ao nível de exibições de Montalegre. O resultado disto é o reforçar da desconfiança em relação à equipa. E se a exibição da equipa já deu motivos de insatisfação, as declarações do nosso treinador sobre o jogo no final apenas reforçaram essa insatisfação.

tags:
publicado por D`Arcy às 01:07
link do post | comentar
8 comentários:
De Dias Pereira a 30 de Dezembro de 2018 às 01:54
Boa noite.
Depois de um milagre de Natal, voltámos à miséria do que tem sido o nosso futebol…
Uma exibição execrável, mesmo quase nojenta, com um bando de indivíduos a passear dentro do campo, envergonhando, despudoradamente, o Manto Sagrado, e desrespeitando, de forma inadmissível, o Benfica e os benfiquistas!
Permitam-me que desça a um nível compatível com aquele a que esteve a equipa ontem, e diga que o comentário que, hoje, mais me apetece fazer é: ”Vão prá puta que vos pariu!!!”
Quem joga o que jogou no jogo com o Braga, não pode jogar como jogou ontem na Vila das Aves. É inadmissível!!!
Estou particularmente enojado! E revoltado! Atingi, claramente, o limite da tolerância que o meu benfiquismo, muito sentido, me permite ter. Já estou para lá do que é humanamente possível…
Quem joga como jogámos ontem, com um adversário infinita e naturalmente mais limitado, não merece qualquer tipo de respeito, consideração ou reconhecimento! Ser pior, em todos os aspectos, do que o Desportivo das Aves – antepenúltimo classificado do campeonato… – é totalmente inaceitável. É, sobretudo, degradante para o clube, e ofensivo e humilhante para os sócios, adeptos e simpatizantes. E é a prova, provada, que afinal o problema do futebol do Benfica não está apenas no treinador!
Quando se joga, literalmente, a passo, se deixam os adversários jogar à vontade, com e sem bola, e quando se anda perdido em campo, a chutar para onde se está voltado, acantonado na sua zona defensiva, está tudo dito!!!
Perderam-se 95% das disputas individuais, falharam-se passes em catadupa, jogou-se para os lados e para trás, tomaram-se quase sempre as opções mais patéticas, enfim… foi um vómito total e constante!!! O golo sofrido é de uma inqualificável, e reiterada, falta de atitude: um adversário faz todo o nosso corredor esquerdo com a bola nos pés, sem que haja alguém capaz de o incomodar, ganha em velocidade a toda a gente, permite-se cruzar para onde lhe apetece e, no centro da nossa grande área, aparece um fulano a cabecear, como quer, entre os centrais e o lateral, fazendo o golo à vontade. E, depois do golo – como já havia acontecido antes, aliás!... – o adversário teve mais três ou quatro boas oportunidades de voltar a marcar…
Que coisa miserável é, realmente, o nosso futebol actual! E repito: o problema não está só no treinador!
Alguém tem que por mão nisto! Se não… vamos descer ainda mais baixo – embora, confesso, isso me parecesse impossível, face ao estado em que já estamos…
É verdade que os jogadores se devem sentir bastante com a – comprovada! – incapacidade do treinador pôr a equipa a jogar um futebol de qualidade, consistente e dominador. Mas também é verdade que há muita falta de atitude e de apuro ao nível do desempenho individual e colectivo. Não gostaria de ser mal entendido, mas acho que o Benfica precisa de um treinador que ponha os meninos na ordem. Alguém com pulso, de cuja capacidade técnica não se pudesse duvidar, que fosse, essencialmente, capaz de pôr os jogadores a dar o litro, tanto nos treinos como nos jogos. E, se fosse preciso, que não tivesse qualquer pejo em pôr alguém a jogar nas reservas… para assim lhes fazer o desenho do filme em que estão envolvidos.
E já todos nós percebemos que não é Rui Vitória que vai conseguir fazer isso…
Talvez outro consiga, até, aproveitar o inegável potencial de Ferreyra, de Gabriel, ou mesmo de Castillo, Samaris e Lema, entre outros. Há coisas – demasiadas coisas!... – mal explicadas neste grupo de trabalho…

Este ano está a ser particularmente difícil para mim. Para todos nós, creio eu…
Depois do milagre de Natal, voltámos ao registo habitual. E, inevitavelmente, à convicção de que os próximos tempos serão de mais desilusões, desânimo e humilhação…
Já me fizeram acordar para a vida… e ensombraram intensamente o meu Réveillon!
Viva o Benfica!
Saudações benfiquistas!
De António Madeira a 30 de Dezembro de 2018 às 18:17
Às vezes, também me apetecia dizer-te "Vai prá puta que te pariu!!!” (Viste? Também sei pôr negritos nas partes mais enfáticas), mas como sou uma pessoa educada, tenho respeito pelo espaço que é moderado pelo D´Arcy e amo demasiado o meu clube, trinco a língua e digo para mim mesmo "Não te chateies, não vale a pena".
De E Pluribus Unum a 30 de Dezembro de 2018 às 20:29
Caro Madeira, acalme-se pois o grande Benfiquista Dias Pereira está CARREGADINHO de razão.
Se entretanto não for capaz de se acalmar, dirija a sua ira e revolta para a EQUIPAZECA DE LESMAS disfarçados de SL-BENFICA, e treinadorzeco de Fátimas e Vilafranquenses, que esse OBTUSO DA CABEÇA e autêntico ABNÓXIO l.f.vieira, que faz de conta que é Presidente do Maior e Melhor Clube de Portugal, teima em manter como "treinador" do nosso querido BENFICA, num verdadeiro atentado à inteligência e saúde mental dos BENFIQUISTAS!!!!!!

Uma VERGONHA SEM LIMITES. Esse pseudo-presidente permite tudo a esses jogadorzecos que apenas correm e lutam quando querem, e que andem no Benfica a viver À GRANDE E À AMERICANA, à espera apenas dos fins de mês para verem as suas contas bancárias mais recheadas, e que bem recheadas!!

Como é que este pseudo-presidente pode exigir que os apitadores escravos e vassalos ao opoorco corruptus e ao riporting de alvaLADRA respeitem o nosso querido Benfica, se ele nem sequer é capaz de fazer com que os seus jogadores / assalariados corram e lutem até ao mâximo das suas forças e capacidades pelo BENFICA?!

Só há uma solução: RUA COM ESSA MERDA desse INCAPAZ e INÚTIL que faz de conta que é Presidente do MAIOR DE PORTUGAL.

Se a equipa é uma cambada de LESMAS, o "treinador" que permite isso é uma LESMA do mesmo tamanho, ou maior do que as lesmas de toda a equipa.

RUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
RUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
RUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
com a incompetência e PARASITAGEM.

Qualquer equipazeca que se movimente em campo um pouco acima de dez à hora, consegue equilibrar e até superiorizar o jogo apresentado por este "Benfiquinha" deste tristérrimo rui derrota que tem um discurso mesmo de um gajito muito muito muito pequenino, nada condizente com um Clube Enorme como o Glorioso SL-BENFICA.

Uma VERGONHA são estes PALHAÇOTES VENDEDORES DA BANHA DA COBRA que "dirigem" actualmente o Benfica.
Cada fim de semana que se aproxima é uma ANGÚSTIA E SOFRIMENTO para quem de facto ama o nosso Benfica, pois "naturalmente" estamos sempre mais perto da derrota e da humilhação do que da vitória, seja o adversário médio, grande ou pequeno, mesmo sendo nós, o Gigante Benfica!!!!!

SOLUÇÃO: RUA, RUA RUA RUA RUA COM ESSES CATEDRÁTICOS EM FALSA-COMPETÊNCIA MISTURADA COM LAXISMO E FÉ EM DEUS.

Caro A. Madeira, sei que é mesmo Benfiquista, como sou eu e como é o caro Dias Pereira. Como são milhões de pessoas espalhados pelos quatro cantos do Planeta.

No entanto quero apenas pedir-lhe que entenda uma coisa:
Quando Dias Pereira diz , e passo a citar " VÃO PRÁ PUTA QUE VOS PARIU", não se está a referir ao nosso Glorioso Benfica, está sim a referir-se àqueles lesmas que neste momento dentro dos relvados mais não fazem - pelo menos neste jogo - do que AJAVARDAR, MENOSPREZAR, DESRESPEITAR, etc,etc,etc, o nosso Inigualável MANTO SAGRADO VERMELHO.

Mais lhe digo: Pode crer que OFENDER O BENFICA, é uma das poucas INCAPACIDADES de um Verdadeiro Benfiquista.
E Dias Pereira, é na verdade um BENFIQUISTA A SÉRIO e SÉRIO.

Aprendam a saber separar o TRIGO do JOIO.
O Benfica não é, nem nunca pode ser apenas os onze jogadores de futebol que em cada momento o representam.

O BENFICA É MUITO, MUITO, MUITÍSSIMO MAIS DO QUE ISSO.
O BENFICA É UM IDEAL DE ESTAR NA VIDA E NO DESPORTO COM A HONESTIDADE E SERIEDADE À FRENTE DE TUDO.
É POR ESSA RAZÃO QUE EU SOFRO PELO MEU BENFICA.

Benfica Benfica Benfica. Sempreeeeeeeeeeeeee acima de TUDO e de TODOS.
De E Pluribus Unum a 31 de Dezembro de 2018 às 00:03
Caríssimo e ENORME BENFIQUISTA, Dias Pereira, infelizmente e mais uma vez, estou plenamente de acordo consigo.
SUBSCREVO tudo o que afirma no seu comentário.

Só os PALERMAS, OS MANSOS, OS CEGUETAS, OS TÓTÓS, enfim, todos os sub-nutridos da cabeça é que não estão em linha de pensamento com os seus escritos.

Tudo. TUDDDDDDDDDDDDDDDDDDOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO o que o meu caro companheiro de Benfiquismo escreve, é o que de mais acertado existe em toda a blogosesfera Benfiquista.

Claro que a minha vontade era dizer que você está errado, que não percebe nada de futebol, que é mau Benfiquista, etc,etc,etc,... mas infelizmente a VERDADE ESTÁ TODA DO SEU LADO.

No meio desta PEQUENEZ TODA que tomou conta do nosso querido SL-BENFICA, dá-me algum conforto e esperança existirem Benfiquistas como o caro amigo Dias Pereira.
É que, tal como no milagre dos pães e dos peixes, pode ser que os "Dias Pereiras" se multipliquem e multipliquem e multipliquem e que por consequência o nosso querido e amado SL-Benfica ACORDE DE VEZ e mande toda essa CATREFADA DE FALSOS-COMPETENTES vender chiclets e pensos rápidos para o Rossio ou Chiado.

O Futebol Profissional do Clube é uma autêntica LOTARIA. Não há Rei nem roque, e cada um faz o que quer. Se quiser correr corre, se não quiser correr não corre. Se quiser saltar e lutar a sério fá-lo, se não quiser lutar nem correr nem saltar não o faz. No fim está sempre tudo bem.
Do topo da pirâmide, onde pontifica essa DIVINDADE l.f.vieira, não se ouve nem se vê nada!!!!! NADA DE NADA.
Desrespeito total pelos Sócios. Sócios que são - fará se não fossem - os DONOS do Clube, como sempre faz questão de alardear a tal DIVINDADE!!!!

Uma VERGONHA SEM LIMITES. Está mais que na hora de os Sócios e demais Adeptos do Benfica realmente se fazerem HOMENS e "encostar" o que pensa ser o "DONO" do Clube a parede e dizer-lhe, se preciso for com um MEGAFONE encostado às ORELHAS o seguinte: oh INÚTIL e INCAPAZ, isto não é o Alverca. ISTO É O BENFICA.
Se não tens capacidade para apresentares nível e competência futebolística DEZ VEZES SUPERIOR, então ANDAMENTO.
ANDAMENTO. PÕE-TE A LÉGUAS SEM OLHARES PARA TRÁS O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL.

Era isso que aconteceria se de facto tivéssemos uma MASSA ASSOCIATIVA realmente DOENTE E DISPOSTA A TUDO pelo nosso querido Clube.

Infelizmente somos uma Massa associativa INERTE, PARADA, SEM FORÇA DE PRESSÃO NENHUMA, BOA APENAS PARA BATER PALMAS E PALMINHAS A TODAS AS BANALIDADES E COMER PIPOCAS SENTADOS NO ESTÁDIO.

O GRANDE BENFICA PRECISA DE SE REERGUER, A COMEÇAR PELA MENTALIDADE DA SUA MASSA ASSOCIATIVA, E DELA PROCURAR UM VERDADEIRO BENFIQUISTA INTELIGENTE E DE TOMATES PARA ASSUMIR A PRESIDÊNCIA DO MAIIOR E MELHOR CLUBE DE PORTUGAL.

Estamos vulgarizados, banalizados, e já nem os pequenos e médios clubes têm algum receio de se "baterem" em jogo contra o Benfica.

Obra dessa INUTILIDADE e seus clones da Direcção que dá pelo triste nome de l.f. vieira.

Como VERDADEIRO BENFIQUISTA, já tenho NOJO dessa gente que está nos "comandos" do Clube. ESSA É QUE É A VERDADE.

BENFICA, BENFICA, BENFICA,.... Sempreeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee acima de tudo e de todos.
De Dias Pereira a 31 de Dezembro de 2018 às 02:52
Caro E Pluribus Unum>/b>,
Agradeço as referências que fez, neste comentário a que respondo, bem como mais acima, em outro espaço, tanto a propósito do conteúdo do comentário que inicialmente deixei, como também da minha pessoa.
Não tenho o prazer de o conhecer pessoalmente, mas não é preciso um grande exercício de análise para perceber que sente o Benfica com a mesma intensa paixão com que eu o sinto. E, por via disso, percebemos ambos muito bem o contexto em que dizemos o que dizemos. Fazer outro tipo de extrapolações, inferir sentimentos e supostos propósitos de quem vem aqui escrever - para desanuviar, libertar tensões ou procurar algum conforto, entre benfiquistas, nomeadamente depois dos (mais que exagerados) maus desempenhos e/ou resultados - ou criar casos e despoletar guerras intestinas só porque sim, não pode fazer parte de um quadro de saudável, e desejável, exercício de cidadania benfiquista.
Nunca entendi os seus comentários como ofensivos a quem quer que fosse, independentemente do modo como se exprime e do vocabulário que utiliza. Os seus comentários são, inequivocamente, genuínos, sinceros e plenos de fervor clubista, e, por isso, não merecem qualquer tipo de censura.
O que merece censura é a mentira, a intriga, o usufruto indevido do que pertence ao colectivo, o insulto gratuito, indevido e despropositado. E o faltar deliberadamente à verdade, para servir fins obscuros e contrários ao interesse comum, como se tem visto, infelizmente, demasiadas vezes, nos últimos tempos, mesmo dentro da nossa casa.
É certo que há quem privilegie mais um estilo mais contido, tido por revelar maior urbanidade, nos comentários que faz e nas intervenções que produz. Mas isso não o faz ter mais razão, apenas por isso. Não faltam para aí muitos que, sob essa capa de impecável urbanidade, são, efectivamente, senhores de posturas altamente censuráveis.
No comentário inicial que fiz depois do jogo com o Aves, utilizei, a dada altura, linguagem que não me é comum e escrevi, referindo-me aos jogadores: "Vão prá puta que vos pariu!!!". Fi-lo com um enquadramento que não referia expressamente este, ou aquele, jogador, nem cada uma das suas mães em concreto, mas sim o grupo dos jogadores, em si, num desabafo não contido pela (falta de) postura e atitude revelada, repetida e acintosamente, durante o referido jogo. Não sinto que tenha ofendido ninguém, mas antes verbalizado uma revolta que - acredito! - não foi exclusiva da minha pessoa.
Por outro lado - embora o pudesse fazer... - nunca o faria no plano individual, independentemente de conhecer, ou não, o meu interlocutor. Outros o fazem, e estão, obviamente, no seu direito. Tal como estão no seu direito de se considerarem pessoas bem educadas, respeitadoras e amantes do Benfica, ou de se arrogarem ao direito de referir que são capazes de colocar em negrito as partes mais enfáticas dos seus escritos.
O que me parece essencial reter, nesta matéria, é que só ofendem as acusações que são verdadeiras. As outras, gratuitas e descontextualizadas, são chuva que não molha, nem salpica!.
Aprecio bastante - como, aliás, já lhe referi, por mais de uma vez... - a capacidade que o meu caro E Pluribus Unum tem de se empolgar, até à exaustão, com as incidências da vida da Nação Benfiquista, bem como a sua resistência, resiliência e argúcia crítica. É de benfiquistas desses que o nosso amado clube precisa. E dispensa - até agradece que desapareçam... - aqueles que se empolgam com a mediocridade, com o paradigma - à la Sporting... - de "para o ano é que vai ser", e que defendem - e idolatram! - os líderes em vez de defenderem o Benfica, não querendo perceber que a única coisa que efectivamente importa é a floresta, e não a árvore!
No último jogo no nosso estádio, no topo sul, estava colocada uma tarja que dizia: "NÃO GOSTAMOS DE NINGUÉM... SÓ DO BENFICA". Isso, sim, é o Benfica!
Votos de um bom ano para todos, em especial para os benfiquistas e, permita-me, muito em particular para o amigo E Pluribus Unum... para que continue determinado em manter a ferver este blogue, e a blogosfera benfiquista.
Viva o Benfica!
Saudações benfiquistas!
De E Pluribus Unum a 31 de Dezembro de 2018 às 20:07
Caríssimo Benfiquista e companheiro de LUTA pelo BENFICA, Dias Pereira, li com toda atenção este seu comentário, aliás como faço com todos os que escreve, e apenas me resta dizer: INTEGRALMENTE DE ACORDO.

Quanto a mim, deve o caro amigo saber que já aqui fui acusado de "infiltrado", "falso-Benfiquista", bla,bla,bla, e coisas ainda piores, o que muito me entristeceu e revoltou, e só o meu VERDADEIRO AMOR AO MEU QUERIDO E GLORIOSO SL-BENFICA me fez ter forças e determinação para exprimir sempre o que verdadeiramente penso, de forma a tentar contribuir para diagnosticar os verdadeiros problemas e falhas do nosso querido Clube, a fim de que as mesmas sejam extirpadas e que o nosso Benfica possa dar cumprimento àquilo para que foi destinado: VIVER EM GLÓRIA E EM VERDADE DESPORTIVA.

MAIS NADA.
Quanto aos que COVARDEMENTE me ofenderam, isso para mim são MEDALHAS que provam a MINHA INCESSANTE DEFESA do meu querido a amado SPORT LISBOA E BENFICA.

Se quisesse, também ofendia da mesma forma ou ainda pior, os que me atacam, mas PERDOO-LHES por serem Benfiquistas, e prefiro guardar as minhas forças para os INIMIGOS do nosso Inigualável Clube.

Olhe, caro Dias Pereira, a um indivíduo que vive o Benfica 24 horas por dia em cada dia da sua vida, que não dorme quando o Benfica perde, seja contra Moreirenses e/ou porcos e lagartos, que fica doente com o PARASITISMO de muitos dos seus jogadores e treinadores, que fica fora de si com a PASSIVIDADE TOTAL com que a "Direcção" e "Presidente" do Clube assistem a tudo isso, etc,etc,etc, que já cortou relações com vários "amigos" / conhecidos adeptos de porcos e lagartos por não admitir ofensas ao Benfica, etc,etc,etc, e a um indivíduo destes virem alguns MENTECAPTOS dizer que é um "infiltrado" e coisas piores, é mesmo de um tipo perder as estribeiras e apetecer mandar tudo p'ró "carvalho".

Ainda bem que existem Benfiquistas DIAS PEREIRAS, inteligentes, e sérios nas suas análises aos jogos e a tudo o que é BENFICA e não só.

Além das Vitórias e Glórias do nosso querido Benfica, o que mais peço para o Novo Ano, é que os DIAS PEREIRAS se multipliquem na Massa Adepta do nosso Clube, pois é a ÚNICA forma de continuarmos sempre a crescer e a tornarmo-nos maiores e melhores, e dessa forma cumprirmos o desígnio de sermos o MAIOR e MELHOR Clube de Portugal.
A todos os BENFIQUISTAS sem excepção, e a si em especial, caro DIAS PEREIRA, os meus votos sinceros para que o Novo Ano traga as maiores felicidades pessoais, profissionais e BENFIQUISTAS.

BENFICA BENFICA BENFICAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
Sempreeeeeeeeeeeeeeeeeee acima de TUDO e de TODOSSSSSSSS.
De Dias Pereira a 1 de Janeiro de 2019 às 00:38
(Correcção)

Caro E Pluribus Unum,
Agradeço as referências que fez, neste comentário a que respondo, bem como mais acima, em outro espaço, tanto a propósito do conteúdo do comentário que inicialmente deixei, como também da minha pessoa.
Não tenho o prazer de o conhecer pessoalmente, mas não é preciso um grande exercício de análise para perceber que sente o Benfica com a mesma intensa paixão com que eu o sinto. E, por via disso, percebemos ambos muito bem o contexto em que dizemos o que dizemos. Fazer outro tipo de extrapolações, inferir sentimentos e supostos propósitos de quem vem aqui escrever - para desanuviar, libertar tensões ou procurar algum conforto, entre benfiquistas, nomeadamente depois dos (mais que exagerados) maus desempenhos e/ou resultados - ou criar casos e despoletar guerras intestinas só porque sim, não pode fazer parte de um quadro de saudável, e desejável, exercício de cidadania benfiquista.
Nunca entendi os seus comentários como ofensivos a quem quer que fosse, independentemente do modo como se exprime e do vocabulário que utiliza. Os seus comentários são, inequivocamente, genuínos, sinceros e plenos de fervor clubista, e, por isso, não merecem qualquer tipo de censura.
O que merece censura é a mentira, a intriga, o usufruto indevido do que pertence ao colectivo, o insulto gratuito, indevido e despropositado. E o faltar deliberadamente à verdade, para servir fins obscuros e contrários ao interesse comum, como se tem visto, infelizmente, demasiadas vezes, nos últimos tempos, mesmo dentro da nossa casa.
É certo que há quem privilegie mais um estilo mais contido, tido por revelar maior urbanidade, nos comentários que faz e nas intervenções que produz. Mas isso não o faz ter mais razão, apenas por isso. Não faltam para aí muitos que, sob essa capa de impecável urbanidade, são, efectivamente, senhores de posturas altamente censuráveis.
No comentário inicial que fiz depois do jogo com o Aves, utilizei, a dada altura, linguagem que não me é comum e escrevi, referindo-me aos jogadores: "Vão prá puta que vos pariu!!!". Fi-lo com um enquadramento que não referia expressamente este, ou aquele, jogador, nem cada uma das suas mães em concreto, mas sim o grupo dos jogadores, em si, num desabafo não contido pela (falta de) postura e atitude revelada, repetida e acintosamente, durante o referido jogo. Não sinto que tenha ofendido ninguém, mas antes verbalizado uma revolta que - acredito! - não foi exclusiva da minha pessoa.
Por outro lado - embora o pudesse fazer... - nunca o faria no plano individual, independentemente de conhecer, ou não, o meu interlocutor. Outros o fazem, e estão, obviamente, no seu direito. Tal como estão no seu direito de se considerarem pessoas bem educadas, respeitadoras e amantes do Benfica, ou de se arrogarem ao direito de referir que são capazes de colocar em negrito as partes mais enfáticas dos seus escritos.
O que me parece essencial reter, nesta matéria, é que só ofendem as acusações que são verdadeiras. As outras, gratuitas e descontextualizadas, são chuva que não molha, nem salpica.
Aprecio bastante - como, aliás, já lhe referi, por mais de uma vez... - a capacidade que o caro E Pluribus Unum tem de se empolgar, até à exaustão, com as incidências da vida da Nação Benfiquista, bem como a sua resistência, resiliência e argúcia crítica. É de benfiquistas desses que o nosso amado clube precisa. E dispensa - até agradece que desapareçam... - aqueles que se empolgam com a mediocridade, com o paradigma - à la Sporting... - de "para o ano é que vai ser", e que defendem - e idolatram! - os líderes em vez de defenderem o Benfica, não querendo perceber que a única coisa que efectivamente importa é a floresta, e não a árvore!
No último jogo no nosso estádio, no topo sul, estava colocada uma tarja que dizia: "NÃO GOSTAMOS DE NINGUÉM... SÓ DO BENFICA". Isso, sim, é o Benfica!
Votos de um bom ano para todos, em especial para os benfiquistas e, permita-me, muito em particular para o amigo E Pluribus Unum... para que continue determinado em manter a ferver este blogue, e a blogosfera benfiquista.
Viva o Benfica!
Saudações benfiquistas!
De Redpower a 30 de Dezembro de 2018 às 14:07
Completamente inadmissível a atitude dos jogadores num jogo decisivo. Resultou bem, mas ficou a imagem de uma equipa sem vontade de jogar, desmotivada, e se não há motivação para jogar no Benfica então alguém anda a fazer muito mal o seu trabalho. Refiro-me à equipa técnica.

Até sou dos que defende a continuidade e não sou apologista de decisões precipitadas e demissões por impulso. No entanto, acho que as declarações do nosso treinador no final do jogo são bem elucidativas da mentalidade presente na equipa e na equipa técnica, como referiu o D'Arcy e eu estou plenamente de acordo. Foram declarações até desrespeitosas para com o Desportivo das Aves.
O que o Rui Vitória esqueceu foi que cada vez que se veste a camisola do Benfica tem que se dar o máximo, muito mais quando está em causa a passagem às meias-finais de uma competição oficial.

Depois, em termos de exibições, foram perfeitamente ridículas as exibições de Pizzi e André Almeida. Este último então tem sido de bradar aos céus, defende mal ataca mal, passa mal, enfim, acho que aquele chouriço contra o Braga não justifica que continue a ser titular. Já não é de agora e o pior é que existem outras soluções que não merecem sequer a oportunidade de mostrar serviço.

Resumindo, temos uma equipa sem chama, que não luta pelas bolas divididas, que reage tarde às segundas bolas, uma equipa sem personalidade. E espero sinceramente que já estejamos a preparar uma nova equipa técnica para a próxima temporada, porque desta já espero muito pouco.

Espero que daqui até ao final da época provem que estou enganado.

VIVA O BENFICA!

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Retranca

Bis

Manita

#Reconquista

Um

Crer

Proveitosa

Pujante

Deplorável

Firme

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds