VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Segunda-feira, 24 de Março de 2014

Passeio

Três golos, outras tantas bolas nos ferros, jogadas de alta qualidade estética e oportunidades mais do que suficientes para construir um resultado ainda mais folgado. O Benfica fez com que este jogo de fim de tarde contra a Académica acabasse por parecer ser pouco mais do que um mero passeio.

 

 

Uma única alteração no onze habitual do Benfica, apresentando o Sílvio na lateral direita em vez do Maxi Pereira. Nem sequer foi uma entrada das mais fortes do Benfica no jogo, mas a exemplo do que tem acontecido na maior parte dos jogos em casa esta época, chegámos ao golo bastante cedo - praticamente na primeira verdadeira ocasião de perigo que criámos. Foi aos onze minutos, numa jogada entre o Rodrigo e o Lima. O Rodrigo atirou ao poste, e depois o Lima conseguiu meter o pé e desviar para a baliza a tentativa de alívio do defesa da Académica. A partir deste momento tudo se tornou ainda mais fácil para o Benfica, que nunca deu sequer a impressão de ter realmente carregado a fundo no acelerador. Mesmo com a Académica a nunca abandonar o esquema cauteloso de duas linhas de defesa bem juntas, o talento e concentração dos nossos jogadores e uma ideia muito definida de jogo chegaram e sobraram. Antes de cumprida a meia hora de jogo (e com um penálti por assinalar a nosso favor pelo meio) o Benfica duplicou a vantagem, numa jogada de equipa muito bonita. Numa ocasião em que a Académica procurou pressionar alto, já bem junto à nossa área, os nossos jogadores nunca perderam a calma e libertaram-se da pressão fazendo a bola circular de pé para pé entre os seus jogadores, viajar da esquerda até à direita, onde o Sílvio avançou com ela no terreno, desmarcou o Markovic, e dos pés do sérvio saiu um cruzamento rasteiro para a zona do segundo poste, onde o Lima finalizou com facilidade. Continuou o Benfica a dominar completamente o jogo com enorme facilidade, e foi uma pena que mesmo em cima do intervalo não tivesse chegado ao terceiro golo em mais uma jogada fantástica de toda a equipa, que incluiu três passes de calcanhar, e que deixou o Siqueira em frente ao guarda-redes. Infelizmente o remate dele foi defendido - teria sido perfeito se tivesse tocado a bola para o lado, onde tinha o Gaitán completamente sozinho.

 

 

O domínio absoluto e tranquilo do Benfica no jogo continuou na segunda parte. E com a ameaça constante de voltar a marcar. O Benfica nem sequer precisava de carregar muito, simplesmente conseguia manter a bola em seu poder com relativa facilidade, e depois aproveitava as movimentações dos seus jogadores para ir explorando os espaços concedidos para se aproximar da baliza adversária. O terceiro golo chegou quando se finalizava o primeiro quarto de hora: bola recuperada pelo Enzo a meio do meio campo adversário, tabela com o Rodrigo, e finalização à saída do guarda-redes, já em desequilíbrio após ter sido empurrado pelo adversário (era lance para penálti). Logo a seguir, o Rodrigo ficou muito perto de fazer o golo que bem merecia, mas o remate, já de ângulo apertado depois de ultrapassar o guarda-redes, bateu no poste. A seguir foi o Fejsa quem ficou perto do golo. O resultado prometia não ficar por ali, mas com uma vantagem tão confortável no marcador o Benfica relaxou mesmo, e depois das saídas do Gaitán, Rodrigo e Enzo (por troca com o Salvio, Cardozo e Amorim), a velocidade ficou mais reduzida e o jogo perdeu bastante interesse. Deu até para a Académica, quando faltavam pouco mais de vinte minutos para o final, criar a primeira ocasião de perigo no jogo, num cabeceamento que passou bem perto do poste da nossa baliza. Um livre que também passou perto do poste, pouco tempo depois, completou a produção ofensiva da Académica durante todo o jogo, isto numa altura em que o Benfica já permitia à Académica ter um pouco mais a bola e até jogar no nosso meio campo. Mas mesmo assim foi o Benfica quem voltou a estar perto de aumentar a vantagem, e por duas vezes, já muito perto do apito final. Na primeira o Salvio voltou a enviar a bola aos ferros da baliza da Académica, e na segundo o Lima falhou o hat trick, permitindo a defesa ao guarda-redes - poderia ter tocado para o lado, onde tinha o Cardozo completamente sozinho.

 

 

Toda a equipa esteve num bom nível e bastante homogénea. O Lima merece o natural destaque pelos dois golos marcados, mas hoje também pareceu mais solto e confiante. O golo de bola corrida marcado ao Nacional deve ter-lhe feito bem. O Rodrigo voltou a ser preponderante na manobra ofensiva da equipa, e bem merecia ter saído do campo com um golo. Depois de um par de jogos mais discretos, o Enzo voltou a subir de nível, a dupla de centrais exibiu a categoria habitual e o Fejsa ajudou a voltar a fechar os caminhos para a nossa baliza. O Sílvio exibiu a competência do costume (sinceramente, acho que me sinto mais seguro com ele a jogar do que com o Maxi).

 

Jornada positiva porque mantivemos a vantagem sobre o segundo classificado, e agora falta menos um jogo para o final. Positivo também o facto de termos 'descomplicado' o jogo bastante cedo, o que nos permitiu fazer uma boa gestão de esforço antes de uma sequência de jogos importantes e potencialmente complicados que se avizinham - fiquei com a sensação de que a equipa não teve mesmo que se esforçar muito, e que chegou ao final do jogo bastante fresca. Muito se vai jogar nos jogos que se seguem. Confio que a nossa equipa consiga manter o nível que tem exibido ultimamente, e que apoiada pela nossa incomparável massa associativa (49.320 espectadores hoje) consiga aproximar-se ainda mais dos seus objectivos.

publicado por D'Arcy às 00:57
link do post | comentar
23 comentários:
De ÁGUIA GENIAL a 24 de Março de 2014
BOM JOGO DO ENORME, FORAM 3 MAS PODIAM TER SIDO BEM MAIS.
HOUVE TAMBEM UM PENALTY CLARO SOBRE O LIMA QUE O ÁRBITRO NAO ASSINALOU.
É CONTINUAR A GANHAR TODOS OS JOGOS.

FORÇA BENFICA!
De antonio fonseca a 24 de Março de 2014
Bom dia,

Clara como a agua foi a vitória sobre a Académica.

Mais um passo para a vitória final. Mantivemos a distancia pontual dos calimeros e corruptos.

Espero que continuem na senda do êxito

Saudações benfiquistas.
De Manuel Afonso a 24 de Março de 2014
Não partilhei da opinião de alguns sobre o jogo com os Londrinos. Não vi ali nenhum canto do cisne, antes pelo contrário, vi brilhantismo durante 75 minutos.
O brilhantismo também é jogar devagar com competência, também é passar a bola ao Guarda-Redes com competência, também é trocar a bola no nosso meio campo defensivo com competência.
O brilhantismo é ser pragmatico, é fazer o que é pedido pelo jogo e pela envolvente ao jogo com competência em todos os momentos.

Este jogo com a Académica foi para mim o melhor jogo que fizemos para o campeonato desde há muito, muito tempo.
Soubemos chegar à vantagem no marcador sem precipitações, sem correr riscos desnecessários, e depois, perante um adversário que insistia em jogar com toda a equipa em metade do seu meio campo defensivo, soube durante largos periodos trocar calmamente a bola, baixar o ritmo de jogo reduzindo o desgaste físico ao mínimo, que é o que se impõe nesta fase da época.

Claro que também tentámos inúmeros passes de ruptura sem a minima necessidade, entregando a bola ao adversário sem a minima necessidade, e tendo o desgaste físico necessário à sua recuperação sem a mínima necessiadade. Caso para se dizer os velhos hábitos custam a morrer.
Mas ainda assim estes momentos acabaram por ser a excepção.

Regra geral, fomos pragmáticos, cerebrais, brilhantes.
Há uma mudança na abordagem táctica aos jogos, há uma mudança na mentalidade com que se abordam os jogos, tudo para bem melhor.
A continuar assim vamos ser campeões.
De Anónimo a 24 de Março de 2014
Excelente jogo! Uma vez mais tornámos as coisas fáceis! Para aqui chegarmos muito trabalho foi feito.
A jogada do segundo golo é enorme!!
Siqueira esteve muitíssimo bem, Sílvio é a melhor opção para a direita, Fejsa quase perfeito, enfim, todos estão de parabéns.
Agora é dar tudo na 4ªfeira!
Carrega Benfica!
De Sérgio a 24 de Março de 2014

Enquanto o resultado ainda estava incerto houve 3 erros graves da equipa de arbitragem: 1- uma joelhada ao Lima que era penalty contra a Académica; 2- um atraso para o guarda redes, tendo-lhe a bola batido no braço com ele de braços abertos que dava um livre indirecto muito próximo da linha de golo da Académica; 3- Um fora de jogo muito mal assinalado ao Gaitan quando este se isolava e ficava em boa posição para marcar o golo.

A jogado do segundo golo é simplesmente fantástica. Um hino ao futebol.

Muito infelizes os comentários do Sérgio Conceição dizendo que os jogadores da Académica tiveram uma atitude passiva e que com esta atitude nem ao Cinfães ganhavam. Mas não há uma pontinha de mérito da equipa adversária? É um triste. Vê-se bem que foi formado numa escola sem valores.

Saudações Benfiquistas.
De Joao a 24 de Março de 2014
Bom jogo dentro daquilo que uma equipa séria tem de fazer. Controlar o jogo de uma forma séria, não dando espaços ao adversário e tendo a baliza como meta. Gostei!

O que não gostei : os comentadores da BTV a gabarem o jogo inteiro o Conceição e a Académica! Se me faz confusão ver o gabar quase até à exaustão do Conceição, a Académica foi a equipa que trouxe o maior autocarro este ano à Luz! Tantos elogios, porquê?

PS : A noticia que o SLB está interessado na venda do Garay ao MU com Nani metido no meio é notícia de 1 de Abril, certo?

PPS: Para quando uma resposta firme, mesmo violenta, contra o paspalho BdC?
De Águia IMPERIAL a 24 de Março de 2014
Antes de mais, boa tarde a todos os BENFIQUISTAS. De seguida, dizer que aprovo todos os comentários até agora publicados com realce para os de Manuel Afonso, Sérgio e João, os quais subscrevo INTEGRALMENTE.

Quanto ao jogo propriamente dito, penso que os melhores "jogadores" da Académica foram os postes e o APITADOR corrupto do porco.
O Nosso BENFICA, sem precisar de carregar a fundo, AVIOU como quis e quando quis a equipazeca do DESMIOLADO e cara de ciganola de 4ª categoria, o porquito sérgio conceição que foi formado com o ESTRUME da corrupção na cabeça. Para estes cabrões tipo sérgito conceição, jogar contra o BENFICA não é jogar futerbol, é antes jogar FUTE-RUGBY e com um picareta nas mãos a dar porrada em tudo o que mexe. É mais um ABNÓXIO com a cultura do porco corrupto que tem a mania que é MAUZÃO mas se tiver um Homem normal à sua frente não sabe onde se há-de meter.

Sempre detestei este PORCO desde os tempos em que enganava ApITADORES dentro dos relvados.

Quanto à BENFICA-TV e ao comentador ex-jogador do BENFICA, José Calado, de facto são IRRITANTES os elogios constantes ao autocarro de dois andares da Académica. A sporcos-tv não faria melhor nessa matéria. Há que pôr comentadores que sejam MESMO BENFIQUISTAS e que, dizendo a verdade sobre o jogo não passe o tempo a BAJULAR o adversário e a colocá-lo ao mesmo nível na importância que tem comparado com o Nosso BENFICA.
Calado, não serves, és fraco, e não defendes por inteiro o BENFIQUISMO.

A não ser que a BENFICA-TV, em matéria de anti-BENFIQUISMO esteja PARADOXALMENTE a concorrer com a sporcos-tv, sic, tvi, etc,etc, enfim, pede-se aos senhores que mandam no BENFICA e na BENFICA-TV mais exigência em matéria de BENFIQUISMO, a quem vai "botar FALADURA" para a Televisão dos BNFIQUISTAS.

Para terminar quero que a académica perca os jogos todos até ao fim do campeonato e que o sérgito porco conceição com cara de cigano se agarre com todas as forças e os beiços à QUINTA PATA DO MAIOR ELEFANTE DO JARDIM ZOOLÓGICO DE LISBOA.

BENFICA, BENFICA, BENFICA.SEMPREEEEEEEEEEEEE
O MAIOR E O MELHORRRRRRRRRRRRR
Ontem, hoje, amanhã e Sempreeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee
De Henrique Teixeira a 24 de Março de 2014
Jogo do Benfica a roçar a perfeição. Dois golos de vantagem cedo conseguidos deram a tranquilidade necessária para uma exibição pausada, segura e inteligente.
Grande assistência, apoio constante, tudo muito bom.
O título está cada vez mais perto, mas convém não esquecer que o ano passado o perdemos, tendo 4 pontos de avanço a 3 jornadas do fim. O Benfica tem que continuar a ganhar enquanto não for virtualmente campeão.
Muito importantes os próximos jogos de 4ª feira e domingo.
De Zefra a 24 de Março de 2014
Ora ai esta o que o Benfica precisa de fazer jogo a jogo. Não precisa de correr loucamente mas sim controlar a bola e o adversário. Temos de continuar a ser inteligentes com e sem a bola. E obviamente atacar com mais precisão. As bolas ao ferro tem de entrar.
Temos de continuar a ver as coisas jogo a jogo. Vamos entrar numa serie de jogos complicada. Por mim nos jogos do mata-mata e tentar marcar e sobretudo ganhar. Mas cada jogo com a sua historia. O verdadeiro Benfica vai ter sobressair ainda mais. Temos de mostrar pelo menos a Portugal que merecemos estar em primeiro e isto não foi dado mas sim o nosso esforço assim nos leva.
De Pedro Moreira a 24 de Março de 2014
Estranho é que todas as equipas, depois de levarem do Benfica, vêm, todas, reclamar-se de falta de atitude e tal do seus jorgadores (Sporting, Nacional, Totenham, etc.)... dentro e fora de Portugal. Estranho, os comentadores avençados acharem todas as equipas super-equipas, com curricula de anos anos e x jogos a fio sem derrota até defrontarem o Benfica para logo a seguir serem equipa de m... e não valerem nada de nada. Estranho é o Benfica poder sempre perder o jogo seguinte e isso até hoje não ter acontecido, já vamos em não sei quantos jogos. Estranho ainda vai ser o Benfica ganhar o campeonato. Estranho tudo isso. O anti-benfiquismo primário parece ser uma epidemia nacional. Benficaaaaaaaaa!!!

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Doloroso

Inequívoca

Tristeza

Deplorável

Descanso

Cumprido

Entradas

Regresso

Inadmissível

Degradante

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds