VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Segunda-feira, 31 de Março de 2014

Passo

Mais uma vitória importantíssima, e mais um passo dado em direcção ao título. O jogo não foi dos mais conseguidos na vertente artística, tendo o Benfica talvez abusado um pouco na gestão do esforço, mas o que interessava mais hoje era mesmo o resultado, e por isso podemos considerar que a missão foi cumprida a contento.

 

Regresso dos titulares que tinham ficado de fora no último jogo, sendo a única alteração no onze habitualmente titular a presença do Sílvio na direita de defesa em vez do Maxi. Desde o apito inicial que deu para perceber que não iríamos ter vida fácil, porque o Braga entrou a pressionar de forma bastante agressiva e com a equipa a jogar muito compacta e subida no campo. Mas durante os primeiros minutos o Benfica conseguiu sair dessa pressão e através de movimentações rápidas na frente criar algumas situações de perigo. O primeiro aviso foi dado pelo Gaitán, que depois de se desmarcar e ultrapassar o guarda-redes rematou com o pior pé à rede lateral. O mesmo Gaitán voltou a ter uma boa ocasião, na qual finalizou mal, e pouco depois, aos treze minutos de jogo, o Benfica colocou-se em vantagem. Arrancada do Rodrigo pela esquerda, a percorrer todo o meio campo do Braga, e depois, já junto da linha de fundo, deixou o marcador directo para trás com uma finta e centrou rasteiro para a finalização do Lima, que se tinha desmarcado bem entre os defesas contrários. Novamente a dupla de avançados a fazer estragos. Colocarmo-nos em vantagem cedo era o melhor que poderíamos fazer para simplificar a tarefa, mas a seguir ao golo o Benfica baixou demasiado o ritmo. Nem sequer posso considerar que o que fizemos foi gestão do jogo ou do resultado, porque isso já o vi ser feito pela nossa equipa com resultados magros. Hoje não procurámos guardar a bola do adversário, mas sim tentar impedir que o adversário pudesse criar ocasiões de perigo. E não conseguimos no entanto criar ocasiões para chegar a um segundo golo que nos desse mais tranquilidade, pois revelámos dificuldades em libertarmo-nos da pressão do Braga de forma eficiente, que nos permitisse as habituais transições rápidas para o ataque - neste aspecto notou-se o jogo menos feliz do Enzo hoje. Verdade seja dita que fomos relativamente eficazes na tarefa de manter a nossa baliza longe de perigo, já que apenas na sequência de um canto o Braga ameaçou seriamente marcar - mas em mais de uma ocasião foi necessário que o nosso último defesa fizesse um corte no limite para evitar males maiores.

 

A segunda parte foi mais animada, tendo no início ficado com a impressão de que o Benfica iria tentar procurar o segundo golo. Durante os primeiros minutos atacámos mais e levámos perigo à baliza do Braga, mas depois o Braga respondeu com um cruzamento perigoso, ao qual o seu jogador não soube dar o melhor seguimento (falhou a primeira emenda, e depois tentou uma finalização de calcanhar) e o Benfica pareceu retrair-se. E portanto, durante um longo período da segunda parte voltámos a assistir ao mesmo cenário da primeira parte, em que o Benfica não geria coisa nenhuma e apenas se limitava a tentar defender bem e evitar que o Braga conseguisse causar perigo. Mas embora tenhamos sido eficazes nisto, já que o Oblak praticamente não teve trabalho nem foi obrigado a qualquer intervenção mais complicada, durante todo este tempo permaneceu sempre a tensão de sabermos que a vantagem era magra, e que um golo fortuito pode acontecer a qualquer altura. A meio do segundo tempo entrou o Rúben Amorim, mas tacticamente não mudámos a nossa forma de jogar, já que foi uma troca directa com o Enzo. A equipa ganhou alguma solidez com esta troca, já que como disse antes o Enzo hoje não esteve nos seus melhores dias. Mas apenas nos últimos dez minutos é que o Benfica voltou a aparecer novamente com mais insistência no ataque, talvez aproveitando alguma fadiga do adversário, que já concedia mais espaço para sairmos para o ataque - a forma como correram e tentaram pressionar durante quase todo o jogo já devia fazer-se sentir nas pernas por essa altura. Já no período de descontos assisti ao evento raríssimo de ver o Pedro Proença assinalar um penálti a favor do Benfica (juro que não me lembro da última vez que tal aconteceu, se é que alguma vez tinha acontecido). Incompreensivelmente, estando o Lima em campo, foi o Rodrigo quem tentou converter, e falhou. Não sei qual foi o motivo para a escolha - talvez recompensá-lo por ter sido dos melhores - mas o Lima ultimamente tem sido irrepreensível na marcação de penáltis, e além disso com o golo poderia aproximar-se mais do topo da tabela dos melhores marcadores, com a motivação extra que isso poderia representar. É certo que o jogo estava quase no final, mas dada a importância do mesmo não me pareceu correcto facilitar assim.

 

Não fosse o penálti falhado e talvez escolhesse o Rodrigo como o melhor jogador do Benfica esta tarde. Está muito confiante, a jogada do golo é muito boa, e de cada vez que consegue arrancar com a bola controlada ficamos à espera que saia dali perigo. A defesa no geral esteve bem, e o Gaitán foi outro dos mais activos no ataque.

 

Ficam agora a faltar oito pontos para garantir o título, o que significa que, com três jogos por disputar em casa, bastará vencê-los para resolver o assunto. Quanto mais cedo conseguirmos resolver isto, melhor, porque então poderíamos inverter a programação e passar a fazer a gestão de esforço no campeonato, para nos concentrarmos nos restantes objectivos que ainda podem ser conquistados. Do jogo de hoje trazemos uma vitória importantíssima e difícil, e a certeza de que estamos cada vez mais próximos do merecidíssimo título de campeão.

publicado por D'Arcy às 00:58
link do post | comentar
52 comentários:
De ÁGUIA GENIAL a 31 de Março de 2014
GANHAMOS BEM MAS MAIS UMA VEZ A EQUIPA COLOCOU-SE A JEITO SEM NECESSIDADE NENHUMA, TUDO POR CULPA DA ESTRATÉGIA PARA O JOGO.
O BENFICA BASTAVA TER ACELERADO UM BOCADINHO PARA MARCAR MAIS E RESOLVER LOGO ALI O JOGO E É ISTO QUE TEM QUE SER FEITO.
ATÉ QUE ENFIM UMA ARBITRAGEM ACEITÁVEL DO PROENÇA.
O IMPORTANTE QUE É GANHAR E OS 3 PONTOS FORAM CONSEGUIDOS, É CONTINUAR A GANHAR TODOS OS JOGOS.

FORÇA BENFICA!
De Henrique Teixeira a 31 de Março de 2014
No final do jogo senti enorme satisfação por termos alcançado a tão almejada vitória, e ao mesmo tempo uma alívio também enorme com o apito final do árbitro, pois o golo de vantagem podia ser anulado a qualquer momento. Penso que o Benfica está a abusar na gestão das vitórias magras e a dar-nos cabo do coração com o sofrimento a que nos sujeita. Sinceramente, após o golo madrugador pensei que seria mais fácil ganhar a este Braga, extremamente desfalcado. Agora o título está cada vez mais próximo e só uma hecatombe nos impedirá de o conquistar. Contudo, o próximo jogo pode ser extremamente difícil, porque o Rio Ave é uma das melhores equipas do campeonato a jogar fora de casa.
Mais uma vez não entendi não ter sido o Lima a marcar o penalti . Até parece que ele está a ser penalizado por ser melhor que os companheiros nessas execuções!
De BENFIQUISTA DO CORAÇÃO a 31 de Março de 2014
JOÃO CAPELA JÁ EXPULSOU OSCAR CARDOSO
POR TER DADO UM MURRO NA RELVA

MAS ONTEM NEM UM AMARELO MOSTROU
A QUARESMA QUE FEZ O QUE TODO O MUNDO VIU

EHEHEHEHEHEHEHEH

VÃO GOZAR COM O C............
De Genica Benfiquista a 31 de Março de 2014
Guimarâes - 2ª jornada 2009/2010
De antonio fonseca a 31 de Março de 2014
Bom dia,
Apreciação correctíssima sobre o jogo. Até ao golo mandámos no jogo, depois foi esperar e sofrer até ao fim.

Confesso que com a equipa que temos, não há necessidade de tanto sofrimento, para com a massa adepta. A meu ver temos capacidade para matar o jogo e não dar hipóteses ao adversário para marcar e dificultar-nos a tarefa.

Mas enfim foi uma vitória merecida e que nos dá cada vez mais a esperança que o final nos será risonho e seremos campeões.

Não podemos facilitar nos três jogos em casa e arrumarmos com a questão.
Relativamente á arbitragem, direi que o desdentado desta vez merece continuar com os objectos de mastigação inteiros. Fez uma apitadela como deve ser feita e não influenciar o marcador, ao fazê-lo deu asas para que quem pudesse ganhar o jogo, ganhá-lo-ia sem a sua ajuda.

Na Madeira os andrades lá tiveram mais uma vez a ajuda do Capela ao dar uma penalidade por mergulho para a piscina do ciganito. Fez-se justiça e não houve golo. Espero pelo castigo que vai ser dado a esse energúmeno pela barracada no fim do jogo.

Os corruptos já eram, agora falta dar o golpe de misericórdia aos calimeros.

Saudações desportivas
De Águia IMPERIAL a 31 de Março de 2014
Não gostei. Não gostei. NÃO GOSTEI. Claro que gostei - gosto sempre,sempre,sempre e muitíssimo - DA vitória do Nosso Benfica e dos respectivos 3 pontos. Quando digo não gostei, refiro-me ao estado psicológico "AMEDRONTADO" com que a equipa, esta equipa do "treinador" JJejum entrou no jogo, aliás, como o faz sempre na pedreira e/ou no ladrão.

Absoluta FALTA DE MENTALIDADE GANHADORA, à BENFICA, onde devem estar SEMPRE PRESENTES o empenho, a garra, a dedicação, a ambição, a categoria superior, etc,etc,etc,..enfim o VERDADEIRO BENFIQUISMO.

Em vez disso, vimos uma equipa titubeante, hesitante, a jogar à velocidade da PREGUIÇA, apenas com dois ou três jogadores a acelerar mais um pouco nas saídas para alguns "contra-golpes", como diz o JJejum, e sempre, mas sempre a FAZER SOFRER quem SOFRE A SÉRIO pelo BENFICA, pois, com a normal concessão de demasiados espaços aos adversários, que são a IMAGEM de MARCA deste jjEJUM, EM QUALQUER ALTURA, QUASE MESMo A PARTIR DO NADA, o Nosso Benfica sujeita-se a sofrer um golo, seja qual seja o adversário.

Felizmente tal não aconteceu, não por acção eficaz e determinante da "forma de defender" do JJejum, mas pelas graças de qualquer DIVINDADE que de facto goste, como Nós gostamos das PAPOILAS SALTITANTES.

De positivo assinalo a jogada do golo, em que prova que o Cardozo - para muitos um semi-deus, para mim um jogador BANALÍSSIMO que marca 1 golo e falha 100 -, não tem, nem NUNCA mais vai ter lugar na Nossa equipa, a não ser que seja no Sport Saudade e BENFICA.

De facto, a leitura do lance é perfeita pelo Nosso Lima que, vencendo a INÉRCIA, saiu rapidíssimo da sua posição, deixando os defesas do Braga ESPECADOS, indo ao encontro da bola entretanto passada pelo Nosso Rodrigo Moreno, que tem 70% de mérito em todo o lance que resulta em golo.
Digo aos mais cépticos e aos "catedráticos" da bola, que o tal de Cardozo NUNCA, NUNCA, NUNCA, marcaria este golo, porque é LENTO, LENTÍSSIMO, joga sempre escondido atrás dos defesas à espera que estes falhem a intecepção da bola, parecendo até muitas vezes que é mais um DEFESA ADVERSÁRIO do que um ATACANTE do Nosso BENFICA.

A sua NÃO VENDA, foi um desastroso ACTO DE GESTÃO. Por isso não é de admirar que o Nosso PASSIVO em vez de estancar, já não digo decrescer, está sempre sempre a AUMENTAR.

Quanto ao resto, dizer que ontem, mais uma vez e para não variar, o Nosso Gaitan quase foi ESMAGADO numa sandwich que dois porcos lhe fizeram e que o Nosso Rodrigo Moreno quase ficava lesionado de forma grave por uma entrada GRAVÍSSIMA PRÓPRIA DE UM covarde,DO MACACO luís carlos.
Mais uma vez também, o BENFICA comeu e calou. Talvez quando num ou dois jogos mandarem 2 ou 3 jogadores Nosso para o ESTALEIRO, talvez, dizia eu, essa figurinha decorativa que faz de Presidente diga ou faça alguma coisa.
O mais certo é lamentar-se, lamentar-se, lamentar-se, prontos e fica por aí e depois HIBERNA.
Uma pergunta: Porque acham os meus caros companheiros da CAUSA BENFIQUISTA, porque é que NINGUÉM - repito, NINGUÉM - dá porrada e tem entadas a matar aos jogadores do fóculporco e até do riporting de alvalixo falido, e contra o Nosso BENFICA, aquilo é "um ver te se avias"??!!! Sabem porquê??!! Não sabem??!! Eu sei. É porque eles, os dragartos, os azuis e os verdes têm quem os defenda, quem logo venha BERRAR ALTO E BOM SOM a chamar "ASSASSINOS" a quem lhes dá "pauzinho" e a EXIGIREM CASTIGOS severos para os caceteiros.
Nós, Nós no Nosso BENFICA, enfim, temos lá a tal figurinha que deixa os Nossos jogadores ORFÃOS de DEFESA. Vejam, vejam os vídeos e comparem como se joga contra o Nosso BENFICA e como se joga contra os porcos e riportings, e depois vejam o que faz a tal figurinha para denunciar isso.

Quanto à POUCA VERGONHA do quaresma dos porcos ontem na Madeira, temos um NOVO RAMBO no fóculporco. Ai se fosse um jogador Nosso a ter aquele comportamento, ai, ai. CASTIGO, CASTIGO JÁ, para ele e para o APITADOR que fez que nada viu. ACOBARDOU-SE. Pois, pois, eles têm o bimbo da bosta, Nós temos a tal figurinha. Essa é a DIFERENÇA.
Ganhamos ao Alkmaar e ao Rio Ave. Não eliminamos o porco da Taça. Falta a tal MENTALIDADE. A não ser que haja um segundo milagre, agora com o nome "MILAGRE DAS PAPOILAS". Enfim, futebol de JJejum/lfv, bom contra pequenos.

BENFICA.sempreeeeeeeeeeeee
De Anónimo a 31 de Março de 2014
muitos dizem que nos colocamos a jeito por baixar o ritmo. e quando atacavamos a maluca, desguarnecendo a defesa e permitindo contra ataques em serie, nao nos punhamos a jeito tambem?

foi limpinho...

PS -> pedro proença marcou a nosso favor um penalty em guimaraes, no ano do ultimo titulo, logo na jornada 2. estava 0-0, e cardozo falou esse penalty a meio da segunda parte. mas o ramires marcou o 1-0 nos descontos...
De moleculasdeamor a 31 de Março de 2014
Gostei... contra o AZ vencer vencer...
Vocês não falam da equipa B mas olhem que existe lá muito bom jogador, neste fim de semana, o extraordinário Bernardo e Carlos Martins... fantásticos!
De Ibraim a 31 de Março de 2014
Vi o jogo Benfica - Braga e ignoro porque não houve repetições:
1. se é ou não penalti contra o braga por uma falta ocorrida sobre gaitan na primeira parte em que o mesmo parece ser rasteirado dentro da área. Não houve repetição, ignoro porquê.
2. Não sei o que se passou com o jogador enzo perez que apareceu no chão e que teria sido atingido por alguém ou por algum objecto na cabeça (o jogador foi assistido à cabeça e saiu mais tarde). Não há quqluer imagem nem repetição nem outra sobre o que se terá passado com enzo perez.

Vi, de seguida o jogo nacional - porto:
1. Vejo já em período de descontos que o jogador do nacional, lucas joão, sangra abundamentemente da boca, a qual me pareceu em muito mau estado na imagem fugidia que passou. Mais tarde, minutos depois, consegui ver que este jogador se encontrava ainda no chão. Ignoro o que se passou com ele porque não vimos, mais uma vez, repetições. Será que se aleijou sozinho? Foi contra alguém? Não há imagens...
2. No final deste jogo há sururu e as imagens mostradas são grandes planos que impedem a visão in loco do que efectivamente se passou, embora tenha dado para perceber que houve várias agressões. Não houve repetições destes episódios mas imagens de adeptos nas bancadas (!!!). Ignoro quem agrediu quem e até se houve expulsões e, se sim, quais os jogadores expulsos e se com cartões amarelos ou vermelhos.
De Sérgio a 31 de Março de 2014

Tal como eu previa, a poção do Asterix que ajudou o Porto na última Quarta também terá ajudado o Braga neste jogo contra o Benfica. A arbitragem decente do Proença foi uma surpresa positiva.

Em vésperas de competições europeias, os jogadores têm frequentemente tendência em se resguardarem e isso também não ajudou ao Benfica. Perante as dificuldades, o resultado do jogo foi excelente.

O Rio Ave vai ser mais um osso difícil de roer. Isto tem que ser jogo a jogo. Haja coração.

Já agora, alguém me pode esclarecer uma dúdida: no penalty foi muito discutido se o toque do jogador do Braga em Rodrigo teria acontecido dentro ou fora do campo; se fosse fora do campo, com a bola jogável como estava não era falta? Estando a bola dentro do campo, se houver 2 jogadores que tenham momentaneamente saido do campo, um deles pode por exemplo evitar que o outro de entre em campo sem que seja marcada falta? É que se assim for, não me parece nada justo.

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Confrangedora

Doloroso

Inequívoca

Tristeza

Deplorável

Descanso

Cumprido

Entradas

Regresso

Inadmissível

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds