VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Terça-feira, 17 de Setembro de 2019

Pormenores

Um jogo esforçado da nossa equipa, mas que acabou no cenário que infelizmente se vem tornando habitual na Champions. Contra uma equipa mais forte, falhar nos momentos decisivos é quase sempre fatal.

 

 

O onze do Benfica teve surpresas, com a estreia do Tomás Tavares na lateral direita, o Jota a fazer dupla na frente com o De Tomas, e o Cervi a jogar pela primeira vez a titular esta época. No meio campo, repetiu-se a dupla Fejsa/Taarabt. Na primeira parte conseguimos manter o jogo equilibrado e dividir o jogo com o actual líder da Bundesliga, ainda que se notasse que quando o Leipzig forçava mais tinha a capacidade para nos empurrar para trás, remetendo-nos a tentativas de saídas em contra-ataque. O Tomás Tavares cedo mostrou que não acusava muito a pressão do jogo, ainda que durante a primeira parte se limitasse quase sempre a tarefas defensivas, arriscando muito pouco. Talvez por cautela, o Pizzi esteve quase sempre muito encostado à direita, preocupado em fechar aquele lado e apoiar o lateral, e a equipa mais uma vez se ressentiu da sua ausência em funções de organização. O Jota esteve menos feliz, complicando diversas vezes as jogadas por algum excesso de individualismo, e o principal destaque acabou por ser mais uma vez o Taarabt, por quem acabava por passar quase todo o nosso futebol. Na segunda parte o Leipzig pressionou, esteve mais por cima no jogo e começou a ser preocupante a facilidade e frequência com que conseguiam colocar bolas nas costas da nossa defesa. Mas o Benfica conseguia manter os alemães em sentido com boas saídas para o ataque. Mas eu confesso que quando estou a ver os nossos jogos na Champions tenho sempre a sensação que num pormenor ou outro eles acabam sempre por cair para o lado do adversário. Por isso nem estranhei quando, depois de uma boa ocasião do Pizzi, o Leipzig marcou num lance básico. O Werner apanhou uma bola solta na área e rematou de pronto para o golo. Faltavam pouco mais de vinte minutos para jogar e podíamos ter chegado ao empate poucos minutos depois. Uma excelente iniciativa do Taarabt deixou o Cervi completamente isolado, mas este limitou-se a fazer um remate rasteiro à figura do guarda-redes. Mais uma vez a questão dos pormenores: o golo do Leipzig resultou de uma ocasião muito menos flagrante do que esta do Cervi, e erros destes ao nível da Champions pagam-se caros. O Benfica fez então entrar o Seferovic e o Rafa para os lugares do Pizzi e Cervi (antes já se tinha estreado o David Tavares, que substituiu o Jota). Só que o Leipzig chegou ao segundo golo a dez minutos do final, depois de mais uma bola metida nas costas da nossa defesa que resultou numa finalização fácil do Werner. O jogo parecia decidido, mas quatro minutos depois o Benfica reduziu pelo Seferovic, na sequência de uma boa jogada: o Tomás Tavares desmarcou o Rafa, que depois fez o passe rasteiro para a finalização do suíço. Feio o gesto de mandar calar os adeptos - se ele acha que não são justificadas as críticas às suas últimas exibições então está completamente iludido. A Luz animou-se e ainda se chegou a acreditar no empate, mas o Leipzig soube controlar o jogo até final.

 

 

Para mim os melhores do Benfica foram o Taarabt e o Vlachodimos. Também gostei do jogo do Rúben Dias, e o Tomás Tavares teve uma estreia positiva - não sei se teve instruções específicas para jogar da forma como jogou, mas tendo em conta aquilo que lhe conheço gostaria de o ter visto ser um pouco mais atrevido no ataque - o nosso golo resultou de uma subida dele, e também deu uma óptima oportunidade ao Pizzi.

 

Mais uma vez tivemos uma falsa partida na Champions. Não vou agora estar a criticar as escolhas do treinador para este jogo - tenho a certeza que jogaram aqueles que estavam em melhores condições para este jogo, e não acho que tenha sido por eles que o perdemos. Se fazem parte do plantel então têm que estar preparados para jogar quando forem chamados. Perdemos contra uma equipa com outro andamento um jogo que acabou decidido em pormenores. Não estou satisfeito, obviamente, mas não vou fazer uma tempestade por causa disto. Agora o importante para mim é ganhar o próximo jogo na liga.

tags:
publicado por D`Arcy às 23:49
link do post | comentar
22 comentários:
De Anónimo a 18 de Setembro de 2019 às 00:08
Temos uma equipa medíocre no contexto Europeu, que perde facilmente contra qualquer equipa da segunda divisão europeia. Certo, concedo! Mas, temos o dobro dos campos relvado, um hotel e um colégio, um.centro de alto rendimento e ninguém gera mais comissões para os "parceiros estratégicos " que o Benfica. Embrulhem !
De Dias Pereira a 18 de Setembro de 2019 às 01:04
Boa noite.
Em vez de escolher como título para o post a palavra "Pormenores", eu teria, sem qualquer dúvida, escolhido "Pormaiores"...
Porque, infelizmente, não foi pelos pormenores que, mais uma vez - a enésima!... - fomos reduzidos à condição de equipa da terceira divisão europeia. E logo por uma equipa que, independentemente da campanha que está a fazer no seu futebol caseiro - e, a seu tempo, veremos se vai terminar o campeonato alemão entre os seis primeiros... - não tem estatuto, nem valor, para vir à Luz bater-nos como bateu!
O que mais me dói é que, mau grado o referido acima, não posso dizer que não estava à espera disto! Ou, até, de pior! Depois do que foram as miseráveis exibições com os corruptos e com o Gil Vicente, não estava, de facto, à espera de outra coisa. É que o nosso futebol é, mesmo - e não há volta a dar... - pobre, pobre, pobre...
Se quisermos ser honestos, têm valido os resultados, os autogolos, os penaltys e alguns lances de bola nos postes, à mistura com muito São Vlachodimos...
Continuo a ver uma equipa débil, do ponto de vista físico-atlético - mesmo considerando o necessário para consumo interno... - com muito pouca chama em campo, pouco disponível para disputar os lances e importunar os adversários, com uma tendência incompreensível para mastigar o jogo e esperar que as individualidades façam o que o colectivo, decididamente, não faz, incapaz de reagir às adversidades e às desvantagens no marcador com autoridade e competência... enfim, incapaz de ser o Benfica!
A imagem que retenho dos últimos tempos da gestão desportiva do clube, é que cada vez mais nos identificamos com um entreposto de jogadores, vendendo e comprando tudo o que é vendável, ou comprável, sempre com o fito de dar umas comissõezinhas aos amigalhaços. O registo tem sido sempre no sentido de vender - algumas vezes bem! - e, de seguida, fazer investimentos que não se imaginariam (Chiquinho, RDT, Cádiz, Vinicius...), por razões que todos nós percebemos, mas que omitimos do nosso argumentário desportivo...
Como sempre denunciei, o Benfica está ferido de morte, por uma corja de para-quedistas que se abotoa com tudo o que lhes pode dar dinheiro, sejam administradores da SAD, empresários, dirigentes ou colaboradores ocasionais!.
São os mesmos que puseram na BTV uma corte de fiéis fidalgos - Veloso incluído! - que passa o tempo todo a branquear a miséria que é o nosso futebol e os nossos resultados. Depois, claro, de correrem com os poucos que eram suficientemente honestos para não se calarem, ou de os mandar surrar, como fizeram com o Simões!
Dói-me ver o meu querido Benfica assim...
O Benfica precisa de quem o sirva, e não de quem se sirva dele!
E os sócios precisam de abrir a pestana! Ao olhar com mais atenção para o nosso plantél, recordo-me, cada vez mais, dos Tavares, dos Nelos, dos Paredões e dos Kings, e de outros craques com que íamos fazer uma equipa para levar tudo à frente...
O Benfica precisa de qualidade! Mas de qualidade real!
Tal como precisa de um treinador! De um treinador, e não de um estagiário, que passa a vida embevecido com o Canal Panda e com as tácticas do futebol da Playstation!
Tal como precisa, também, de sócios que sejam capazes de, com determinação e resiliência, apontar a porta de saída a uma direcção, e a um presidente, tal como a administradores que se marimbam para os sócios e gerem os dinheiros do clube como se fossem seus!
Fora com o chico-espertismo, os negócios mal explicados, a promiscuidade e a mediocridade, mental e material!
O Benfica tem que voltar a ser dos sócios...
Pode ser que assim a ambição desportiva volte a ser referência no clube, em primazia sobre a pseudo-gestão empresarial, que tanto jeito tem dado a uns quantos!
Estou saturado de ser enxovalhado...
Viva o Benfica!
Saudações benfiquistas!
De Anónimo a 18 de Setembro de 2019 às 13:37
Quando ganhamos não enxovalhamos ninguem quando perdemos não nos devemos sentir enxovalhados e aqueles que se sentem enxovalhados mais não mereçam que perder porque dão mostras de não ser dignos das vitórias.
Carrega BENFICA!!
De Anónimo a 18 de Setembro de 2019 às 19:35
É de um sócio se sentir enxovalhado logo que vê a equipa montada para este jogo...
Nunca mais deixam de ser ridículos..
O problema não é só perder , é como se perde , vão brincar com o crl...
De Dias Pereira a 18 de Setembro de 2019 às 21:59
Boa noite, caro Anónimo das 13:37.
Não me faltava mais nada, que não fosse receber lições acerca de "mérito" e "dignidade" - e punições!... - nas vitórias e nas derrotas do meu querido Benfica!
Não o conheço, tal como o Anónimo não conhece o Dias Pereira, que é como assino o que aqui escrevo. E, porque assino sempre os meus comentários com esses dois apelidos do meu nome completo, não ficará surpreendido com o que escrevo agora, na medida em que decorre do que sempre pensei, e escrevi, acerca do modo como sinto o Benfica e como me envolvo com ele.
Além de não receber, deliberada e convictamente - por formação e inequívoca assumpção! - lições de ninguém, sobre coisa nenhuma, ainda tenho como hábito não responder a ninguém, nem alimentar polémicas desnecessárias.
Contudo, porque neste caso em concreto o Anónimo pretendeu - repito, pretendeu... - ofender o meu benfiquismo, sugerindo que eu não digno das vitórias do meu querido Benfica, abro uma excepção.
Para lhe dizer, em primeiro lugar, que fez uma leitura abusiva, e despropositada, do que escrevi. "Estou saturado de ser enxovalhado..." foi escrito na decorrência do que anteriormente referira, nomeadamente ao facto do Benfica estar, nesta altura, refém de uma série de figuras que dele se tem servido, e gerido, a seu bel-prazer, arrastando o nome do clube para situações que ferem a dignidade de qualquer um.
Ou seja, o Anónimo disse o quis, mas evocou mal a motivação!
No entanto, para que não fique de todo maldisposto, devo dizer-lhe que, sim, também me sinto enxovalhado - enquanto benfiquista e enquanto desportista - quando o meu clube se exibe a um nível tão baixo - e, mesmo, imoral! - dentro e fora de portas!!! Fere-me, com igual intensidade, ver a equipa arrastar-se pelo campo, sem garra e sem querer, contra um dos eternos rivais, como andar permanentemente encostada às cordas numa disputa europeia, na sua própria casa, contra uma equipa que tem uma história de 10 anos! Ou defender desesperadamente um magro resultado, na Luz, contra um qualquer Portimonense, Tondela ou Gil Vicente desta vida!
Não sei as suas motivações, nem o contexto em que enquadra o Benfica na sua vida. Sei que agora é politicamente correcto encher a boca com frases a relegar o futebol - para mim, o Benfica! - para lugar secundário do nosso dia-a-dia. Mas, para mim, isso não cola...
Sou do tempo em que não tínhamos uma décima - uma centésima! - parte das condições que temos hoje, nem se pagava a jogadores e técnicos nem sombra do que se paga hoje, e em que se ia ao estádio como se ia ao lugar mais sagrado à face da Terra. Do tempo em que as nossas equipas eram isso mesmo - equipas! - e se batiam, corajosamente e sem complexos, com todos os adversários.
E foi assim que vencemos competições europeias - com mérito! - e ganhamos o respeito do mundo inteiro.
... Isto num tempo em que éramos um país pobre, cabisbaixo, governado por gente cinzenta e opressora, que recorria a tudo para tolher a liberdade e asfixiar o povo. E era o Benfica a alegria, o orgulho, a razão de viver do povo...
Quem viveu esse Benfica, não aceita - não pode aceitar! - a mente pequenina, a resignação do perder - seja com quem for - e o confinar-se a uma disputa caseira, lá nos confins da península ibérica...
Isso está bem para outros: para verdes, azuis, etc...
Nunca para o Benfica!
Viva o Benfica!
Saudações benfiquistas!
De Redpower a 18 de Setembro de 2019 às 22:00
Coitadinho do Dias Pereira que é enxovalhado pelos amigos e fica arreliado... Aposto que também bates com os pés no chão a fazer birra. O teu problema não é o Benfica perder, é o que te enxovalham quando o Benfica perde. Olha, como se costuma dizer em inglês: "Suck it up", ou então dedica-te à pesca porque o Benfica nunca vai ser bom o suficiente para ti!
De BI-Campeão EUROPEU a 19 de Setembro de 2019 às 13:23
Oh "bluepoor", és um triste indigente.
Quem te dera a ti teres um décimo bilionésimo do Benfiquismo do Dias Pereira.
É por causa de "benfiquistas" como tu que os chicos-espertos que tudo manipularam - até os próprios estatutos do Clube - , se eternizam no Poder e se abotoam com milhões em negócios de comissões, e o Benfica não passa nunca de uma equipazinha de segundo nível europeu, mesmo sendo o maior de Portugal, vendo-se à rasquinha para ganhar campeonatos a clubezitos falidos ou semi-falidos.

És um burro vestido, um sub-nutrido da cabeça sem dignidade nenhuma, pois se alguma tivesses respeitarias o BENFIQUISMO do grande Benfiquista Dias Pereria.

Viva o Benfica, e os seus adeptos independentes e não manipuláveis pelos vendedores de fantasias.
De Sentinela um Estremecer a 20 de Setembro de 2019 às 10:14
Lá está, a "argumentação" da treta. Como não tem a mesma opinião é "avençado", "encartilhado" ou "não independente"? Já para não falar nessa necessidade de insultar. Argumentos válidos, zero.
De BI-Campeão EUROPEU a 20 de Setembro de 2019 às 17:00
Oh MENTECAPTO, se um indivíduo é burro, chamá-lo de burro não é um insulto, é assumir a verdade dos factos.
Quanto a ti, de facto só um cegueta é que não vê no texto argumentos válidos!

Viva o Benfica.
De Sentinela um Estremecer a 20 de Setembro de 2019 às 10:16
Realmente não se percebe. Nos jogos de computador é tudo tão fácil, o caro Dias Ferreira ganha campeonatos e champions às dúzias todas as épocas. Não se percebe porque não fazem isso na vida real!
De Joaquim Rato a 22 de Setembro de 2019 às 01:03
Tens toda a razão!!! Mas escusas de exagerar!!! RDT é um bom avançado.
De Anónimo a 18 de Setembro de 2019 às 08:27
Essa conversa de "outro andamento" não me convence. E o Basileia tem outro ritmo? E o CSKA? E o Besiktas?

Sinceramente, o que eu acho é que bloqueamos e ficamos presos de movimentos em jogos europeus. Neste jogo contou tb o facto de termos estreias na equipa principal e jogadores com muito pouco ritmo.

Em jogo jogado falhamos demasiados passes, foi constrangedora a forma como, por vezes, durante largos minutos, nem do nosso meio campo conseguíamos sair, e a piorar ainda a situação, a desinspiração completa nomeadamente de RDT, que perdeu um número absurdo de lances.

Enfim, acho que é mesmo preciso rever a forma como nos apresentamos na Liga dos Campeões, pois ultimamente temos sido das equipas mais fraquinhas a marcar presença, assim o comprovam as exibições e os resultados.

Agora claro é preciso concentração total para o nosso campeonato, pois o que passou já não conta.

VAMOS BENFICA!
De antonio fonseca a 18 de Setembro de 2019 às 08:41
Bom dia,
De acordo com o comentário. Perdemos contra uma grande equipa, porém mais uma vez fomos perdulários quer na frente quer atrás.

Dizer que foi um meio campo sem produtividade atacante excepto o Taarabat que esse sim tem virtude atacante, embora no segundo tempo tivesse ido abaixo na sua produção. Pizzi mais uma vez quando marcado não faz nada. Jota uma nulidade. Gostei do Cervi,foi um dos melhores com uma grande aplicação ao jogo, pena foi que isolado não marcasse.

Foi pena que não se tivessem marcado as oportunidades, o adversário quando as teve marcou, aqui está a diferença.

Agora apontar as baterias para o jogo de sábado com o Moreirense.

Saudações benfiquistas.
De Anónimo a 18 de Setembro de 2019 às 10:02
Ele mandou calar os media não os adeptos
De Anónimo a 18 de Setembro de 2019 às 10:56
A resignação é má postura, não ganhar um jogo com equipas de 2ª linha europeia, embora boa e muito mais rotinada e madura, é mau e só mostra a falta de estaleca internacional. Ao contrário de que apregoam este benfiquinha não tem projeto internacional. Preferia que não atirassem areia pros olhos dos adeptos. Com Vieira não passamos disto: perdemos jogos de ganhar, perdemos prestígio internacional, perdemos adeptos (o estádio longe de estar cheio) e perdemos sistematicamente com o porto, até em casa (no ano passado foi a excepção que confirma a regra).
Assim, não passamos disto.
De Luís Manuel a 18 de Setembro de 2019 às 23:57
"Perdemos contra uma equipa com outro andamento um jogo que acabou decidido em pormenores. Não estou satisfeito, obviamente, mas não vou fazer uma tempestade por causa disto. Agora o importante para mim é ganhar o próximo jogo na liga."

Olá D'Arcy, e obrigado pelo teu post. Concordo com o que escreveste e com esta parte final. Sinceramente, acho que se tivessem jogado Gabriel e Florentino, Rafa do início (talvez estivesse com problemas físicos, não sei, e o próprio A. Almeida, apesar de ter gostado muito da estreia do Tomás Tavares) e no banco estivessem Samaris e Chiquinho - e claro, sem oportunidades clamorosas desperdiçadas, penso que podíamos pelo menos ter empatado o jogo. Podem dizer-me que o Leipzig "geriu os momentos do jogo" e não pôs prego a fundo, mas fiquei com a nítida sensação que não são assim tão fortes como apregoam. Mas claro, não falham oportunidades claras e sobretudo em momentos-chave do jogo.

Passou e espero que tenhamos aprendido com os erros cometidos, porque gostava de nos ver fazer uma boa fase de grupos, e acho que temos equipa para isso. Concentração total para ganhar o jogo que temos no sábado, esperando que não haja mais jogadores lesionados...
De FRANCISCO PEREIRA a 19 de Setembro de 2019 às 00:39
Olá D'Arcy.

Mais ou menos de acordo, mas não de que se tratou de jogo que nos fugiu apenas pelos pormenores de algumas falhas nossas na finalização e nada mais. Infelizmente temos que reconhecer que eles tiveram mais falhas dessas, embora reconheça também que o Odysseias Vlakodimos esteve sempre bem, excepto no que podia fazer mais no primeiro golo sofrido. Neste golo, enfim, quase de não jogada, até o locutor/comentador da TVI se engasgou na sua conversa para poder dizer que acabava de ser golo do Leipzig. Acho que as estreias Tomás Tavares e Cervi estiveram bem, de tal forma que teria sido, talvez bom, se jogasse o Cervi na esquerda e o Rafa na direita, colocando o Pizzi no meio com o Taarabt. De resto podiam, à vontade, ter ficado no banco tanto o Jota (não o gramo nem dentro nem fora do relvado) como o De Tomás ( o caretas ""aiii, que coisa tão difícil como azarada que eu fiz..."""), que eu acho como sendo o maldito euromilhões que se jogava nos clubitos pequeninos espanhóis. Enfim, compraram-no, não ponho em causa o marcar ou não golos mas, enfim, os outros(maiorzitos) não o queriam nem dado....Portanto, assim, punha apenas o Seferovic na frente. Tinha sido o melhor mas, apesar de ter eu jogado futebol, na verdade nunca fui treinador!!!!

Pois, enfim, o melhor mesmo é pensarmos que temos o Campeonato, a Taça da Liga e de Portugal (se os árbitros deixarem) e, arranjarmos, uns clubes amigos, que nos queiram ajudar, para não serem só os outros.

VAMOS PARA A FRENTE, MAS COM GARRA, GLORIOSO..
BENFICA SEMPRE.
De Francisco Ferreira a 19 de Setembro de 2019 às 21:44
O que me deixa frustrado é ver esta constante poupança da equipa em jogos europeus para ter o melhor 11 para jogar contra Moreirenses e Tondelas no nosso campeonatozinho de subúrbio. Valerá a pena inscrever o Benfica nas competições europeias para isto? Só pelos milhões destas tristes participações? Que baixo nível atravessa o nosso Benfica... Nem dá vontade nenhuma de comparecer na bancada para assistir a estas medíocres noites europeias de faz de conta...
De D`Arcy a 19 de Setembro de 2019 às 21:55
Não me parece que tenham havido poupanças. Pizzi, André Almeida e Rafa treinaram limitados antes do jogo, por isso parece-me natural que dois deles ficassem de fora. Se temos um plantel de 24 jogadores é porque todos eles têm valor para jogar. Não podemos andar num dia a bater num treinador porque não roda o plantel e no outro a bater-lhe porque roda. Aposto que se o André Almeida e o Rafa tivessem jogado de início e depois por via disso se lesionassem e perdessem jogos do campeonato, também haveria quem criticasse o treinador por ter arriscado colocar de início jogadores que não estavam nas melhores condições físicas.
De BI-Campeão EUROPEU a 19 de Setembro de 2019 às 23:14
Caríssimo D'Árcy, o teu comentário tem todo o propósito, mas o que aqui se critica não é tanto as mudanças na equipa mas sim a sua fraca postura,o seu encolhimento, a sua apatia, enfim a sua grande falta de mentalidade de verdadeiros campeões.
O Benfica de lflvieira é, e será sempre um clube adiado em termos europeus!!!
E mesmo a nível nacional é sempre à rasquinha!
Mesmo com tudo de muito melhor em relação à concorrência, a começar pelos nossos fidelíssimos adeptos!!!

Quanto ao treinador que eu queria apoiar, verifico ao fim de todo este tempo que ele não passa de um estagiário deslumbrado, muito manso para os adversários/inimigos e jornaleiros, e com mentalidade do Séc. XIV no que se refere às substituições no decorrer dos jogos.
Fá-las demasiado tarde, mesmo verificando-se em muitos jogos jogadores nossos em sub-rendimento, e portanto a precisarem de ser substituídos, e ele não é capz de os substituir em tempo útil.

Um exemplo do que acabo de dizer: ainda neste jogo, o Taraabt - que fez um grande jogo na primeira parte e no primeiro terço da segunda -, deu o "estouro" físico a cerca de 25 minutos do fim do jogo, e com isso o seu rendimento caiu para níveis muito baixos, mas o "treinador" deixou-o até final do jogo como se nada de negativo para a nossa equipa se passasse!

Pergunto: mas é com "estagiários" mansinhos e submissos a jornaleiros que o nosso Benfica vai voltar a ser grande na europa e a dominar em Portugal?

Rui Costa, Shéu Han, Humberto Coelho, Toni, Nené, etc,etc,etc.... unam-se todos e formem um lista candidata à Direcção do Benfica, sendo que qualquer um de vós pode ser o Presidente, e façam com o vosso conhecimento e amor ao Benfica um verdadeiro BENFICA EUROPEU.

Nós, os verdadeiros Benfiquistas que AMAMOS o nosso Glorioso Clube acima de tudo e de todos, estamos fartos dos vendedores da BANHA DA COBRA que apenas se servem do Benfica e nos envergonham com desilusões atrás de desilusões.

A recente derrota contra o porto, clubeco semi-falido e com barós e outros proto-jogadores, e ainda por cima em nossa própria casa, a Catedral da Luz, apenas confirma que esta Direcção e presidente nºão valem a PONTA DE UM CORNO e não sabe, transmitir a toda a estrutura do clube a insuperável vontade e mentalidade de vencer, própria dos verdadeiros campeões.

Shéu Han - um dos melhores e mais sérios jogadores de sempre do nosso Benfica e do Futebol Europeu que eu felizmente vi jogar - diz, e diz muitissimo bem, que há muita gente no clube que não tem dimensão para estar no Benfica.
Pergunto:quem sou eu para contrariar alguém que serviu o Benfica durante quase 50 (CINQUENTA) anos??

Viva o meu querido Benfica para a eternidade.

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Brindes

Caro

Descolorida

Uff!

Pormenores

Resposta

Aberração

Retranca

Bis

Manita

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds