VAMOS ACABAR COM AS IMBECILIDADES
Domingo, 19 de Julho de 2020

Regresso de Jorge Jesus

Uma das vantagens de já ter um blog há 16 anos é poder revisitar o que escrevi no passado e verificar se continuo a pensar o mesmo. Claro que o exercício é mais fácil com o considerando “se eu soubesse o que sei hoje”, mas, como não se pode voltar atrás com o conhecimento que entretanto se adquiriu, a principal questão para mim é sempre a mesma: pensar se, com os dados que eu tinha na altura, voltaria hoje a ter a mesma opinião? Serve este preâmbulo para dizer que, apesar de (FELIZMENTE) me ter enganado com a previsão do 35 (ou melhor, da falta dele), cinco anos depois mantenho tudo o resto que escrevi na altura da saída do Jorge Jesus (eventualmente retiraria o “histórico” do erro, porque afinal fomos três vezes campeões, mas ter sido um erro foi indirectamente admitido pelo próprio presidente do Benfica ao ir buscá-lo novamente).

Por outro lado, muito se falou, muito se fala e muito se irá falar (pelo menos nestes primeiros tempos) de tudo o que se passou na altura da saída, em especial naquele primeiro ano de Jorge Jesus na lagartada. O que ele disse sobre nós, a maneira como tratou o nosso treinador da altura, as desconsiderações e faltas de respeito, etc. Foi feio. Muito feio! Mas, da mesma maneira que eu acho que os meus filhos, se fizerem asneira na escola, não merecem um tratamento especial só por serem meus filhos, o Benfica só por ser o Benfica não é inimputável perante tudo o que faça. Sim, o Benfica também erra! E, naquela altura, os dirigentes do Benfica (ou melhor, a inefável ‘estrutura’) não se portaram nada bem com o Jesus. Acusações de roubo de material informático, pedido de indemnização numa soma ridícula em tribunal, etc. É como naqueles lances de bola parada em que na área o defesa e o avançado se estão a agarrar mutuamente. Não se marca falta. Neste caso, houve culpas mútuas na falta de nível do pós-separação (separação essa que partiu da nossa parte, convém recordar). Portanto, para mim, ainda estar ressabiado com o Jesus pelo que ele disse na altura sobre nós não faz sentido (até porque isso acabou por ser importante para o ‘reunir das tropas’ que conduziu ao tri, logo até lhe podemos agradecer o facto). Se nós dissemos o que dissemos dele, não estávamos à espera que ele tivesse nível e não respondesse, certo? Era preciso que não o conhecêssemos bem.

Agora, a parte desportiva. Também aqui mantenho o que disse na altura: a passagem de Jesus pelo Benfica foi globalmente muito positiva. Em seis campeonatos, jogámos muito bem em cinco deles e ganhámos três. Na Europa, só um dos anos foi péssimo com a saída das competições em Dezembro. Fomos a duas finais da Liga Europa, a uma meia-final (perdida com o Braga, eu sei, mas era uma meia-final) e a uns quartos-de-final, e na Champions a outros quartos-de-final (portanto, nas seis épocas, cinco com pelo menos quartos-de-final; nas últimas cinco, fomos duas vezes aos quartos...). Na Taça de Portugal, é que só uma vitória em duas finais é muito pouco para seis anos. Na menos importante de todas as competições, mas ainda assim uma competição oficial, a Taça da Liga, tivemos cinco vitórias naqueles seis anos (por contraponto a uma vitória nos últimos cinco...). Outros olharão para resultados embaraçosos que tivemos (e sim, houve uns quantos), mas eu prefiro ver a capacidade que o Jesus teve para se reinventar durante aquele tempo: o Benfica de 2014/15 não jogava da mesma maneira do que o de 2009/10. Para jogadores diferentes, tácticas e processos de jogo diferentes. E isso, para mim, é sinal de sagacidade de um treinador. Sagacidade essa que manteve nos outros três clubes que treinou, onde o impacto foi imediato e ganhou sempre títulos (felizmente menos num deles, do que nos outros dois).

Dito isto, esta decisão do Luís Filipe Vieira é obviamente um all in da sua parte. Mas infelizmente não é para ganhar um inédito penta ou o bicampeonato deste ano perante um CRAC intervencionado pela Uefa, cuja vida seria muitíssimo complicada se não fosse campeão. Para isso, não houve nenhum investimento semelhante a este. Este é um all in para ganhar eleições. Porque o Jesus é o treinador que mais probabilidade lhe dá de resultar no imediato e o LFV, depois do que se passou esta época, não pode correr o risco de as coisas começarem tortas, sob pena de perder essas mesmas eleições. E isso, meus caros, eu não gosto de ver: não gosto que altos responsáveis do meu clube dêem piruetas e consigam fazer um oito com a coluna vertebral só para ganharem eleições. Porque isso é indefensável, pelo menos para mim. Que fosse para conquistas desportivas, eu ainda admitia, há sapos que eu não me importaria de engolir para ganhar títulos. Agora, engolir sapos com objectivos eleitorais faz-me sentir vergonha alheia e sentir isso de altos responsáveis do meu clube é o pior que me podem fazer. Porque, como óbvio, depois do que a ‘estrutura’ do Benfica disse do Jesus, ele nunca poderia voltar com essa mesma ‘estrutura’ ainda em vigor. Porque do Jesus eu não espero mais do que pôr a equipa a jogar (bem) à bola. A personalidade dele é por demais conhecida e levar com ela é um preço que eu estou disposto a pagar para ganhar títulos (e só estou disposto a pagá-lo, porque eu não disse do Jesus o que a ‘estrutura’ do Benfica disse). Agora, dos dirigentes do meu clube eu espero um pouco mais de rectidão nos valores e nas atitudes que se tomam. Se se diz que se manda embora um treinador porque “não apostava nos jovens da formação”, se se reitera há pouco mais de um mês que o projecto da formação era para se manter, não se vai buscar esse mesmo treinador de volta. Então, e o projecto do clube? Era tudo conversa fiada e o importante é a manutenção do poder a todo o custo? Há coisas que se dizem das quais não há retorno possível. Muito menos para a prossecução de objectivos pessoais. Como é ganhar umas eleições.

publicado por S.L.B. às 19:26
link do post | comentar
31 comentários:
De António Guimarães a 19 de Julho de 2020
Essa sua opinião é incoerente, porque reconhece que JJ é um bom técnico e que tem tudo para voltar a ganhar títulos no Benfica, mas depois diz que só veio para que LFV ganhe as eleições!! Mas que incoerência da sua parte, se veio para ganhar é porque LFV o foi buscar para isso mesmo, para conseguirmos vitórias. De facto é tramado gostar do treinador mas odiar o presidente, e isso fica reflectido neste seu comentário!
De Anónimo a 20 de Julho de 2020
Sr António Guimarães,não é só o Sr que acha incoerência no que escreve o autor do Blog.Eu também não percebi.
De S.L.B. a 20 de Julho de 2020
Vamos lá tentar explicar essa suposta "incoerência". Sim, eu acho que "JJ é um bom técnico e que tem tudo para voltar a ganhar títulos no Benfica", mas sim também acho que o LFV o foi buscar principalmente para ganhar eleições. Se o propósito do presidente fosse só desportivo, não o teria deixado ir embora da primeira vez. Mais: a campanha que se fez contra ele (e que ele ripostou com o 'nível' que conhecemos) é uma linha vermelha que não permitia que se voltasse a contratá-lo uns anos depois. Porque se ultrapassou todos os limites e se o acusou de coisas muito graves. O LFV foi buscá-lo agora, porque o JJ (quase) lhe garante sucesso desportivo que é essencial para que o LFV ganhe as eleições. Só assim se explica a volta de 180º que vai dar na política desportiva e perder completamente a face depois de tudo o que disse (ou deixou dizer) dele. E é essa pirueta que eu não gosto NADA de ver num alto responsável do Benfica. Porque se fica sem argumentos quando nos atiram essa à cara. E eu gosto de poder defender o meu clube, mas sou incapaz de defender o indefensável.

Por outro lado, está redondamente enganado: eu não odeio o presidente do Benfica! Até lhe posso dizer mais, das cinco eleições em que ele participou, votei nele três vezes e abstive-me em duas (numa das quais ele concorreu sozinho e noutra não estive nada de acordo com a antecipação das eleições, tendo ele em ambos os casos a eleição garantida). Discordar não é odiar. Portanto, agradeço-lhe que não tire conclusões dessas.
De Anónimo a 20 de Julho de 2020
Sim, concordo, não vejo incoerência no que escreveu o SLB, mas... Penso que neste forum como em praticamente todos dão-se como absolutas "n" verdades sem se ouvir as partes... De JJ não preciso de "explicações", "conheço-o" bem, não gosto nada da "pessoa", acho que é um razoável treinador... Quanto a LFV este é vítima de uma característica que nada o ajuda, ou mais que uma, não tem dom de palavra, não é carismático, é teimoso, e, parece, não houve quem deve ouvir no que ao futebol diz respeito (Rui Costa?)... Todas as ideias de SLB sobre as atitudes de LFV... Ok, tenho a certeza que na próxima entrevista que deve dar na BTV (espero!...), o Grande Hélder Conduto vai certamente fazer essas e outras perguntas!
De Anónimo a 20 de Julho de 2020
Concordo com o post na integra, a análise é coerente e perpicaz. Não podemos escamotear a realidade de quem nos dirige, não vou entrar por outro tipo de critica ao presidente neste momento.
Quanto a JJ, disse na altura e digo-o agora, não deveria ter saído do Benfica, tinhamos ganho em campo o ascendente psicológico sobre o porto. Até já lhes ganhávamos em inferioridade numérica, lembram-se? E isso custou muitas épocas a consolidar: a tal mentalidade vencedora! Jesus deveria ter ficado, pelo menos, até ganharmos 3 ou 4 campeonatos por mais de 10 pontos e, assim, marcar a nossa posição cimeira e hegemónica, abalando significativamente o CRAC. Depois desta fase Jesus poderia sair e saindo, como acabou por sair, deveria ter vindo um treinador de créditos firmados, de maior currículo e ambição. Mas não, fomos de cavalo para burro (com o devido respeito aos visados), enfraquecendo a equipa em mentalidade e qualidade. E como se verificou, só a estrutura não ganha campeonatos.
Vejamos o que nos trás esta nova aposta em Jesus (esperamos êxito) e o risco que representa para esta direcção se algo corre mal. Sim, não acreditamos que Vieira perca as aleições, mas..."you will never know!"
Saudações Benfiquistas
De Anónimo a 20 de Julho de 2020
Os doentes mentais em todos os actos vêm uma validação das suas ideias.... Acho delicioso o argumento de quem anunciou o fim do mundo com a saída dele (e que depois o que aconteceu acabou por ser a maior era de vitórias do clube) vir agora dizer que "afinal tinha razão"!
Brilhante....
De Albino Ferrer a 20 de Julho de 2020
Caro Senhor,
Revejo-me quase completamente no seu comentário e, como creio dominar razoavelmente a língua pátria não encontrei no seu escrito qualquer espécie de incoerência - pelo contrário.
A questão em que me não revejo é no aspeto do perdão ao Jorge Jesus.
Não me incomodou que fosse para o Sporting. Chegou ao termo do contrato e o Benfica só mostrou interesse em renovar quando telefonaram a Vieira, informando-o de que Jesus estava em conversações com Bruno de Carvalho. Portanto, como profissional e como sportinguista confesso fez, provavelmente, o que qualquer um de nós faria no lugar dele…
Não me incomodou que tivesse palavras muito agrestes para com membros da estrutura do futebol do Benfica, porque há que distinguir entre as pessoas e a Instituição. Mesmo no caso dos chistes a Rui Vitória, a elegância deste tornou-o vencedor aos pontos!...
Não lhe perdoo as insinuações e as imputações que fez à Instituição Benfica, afirmando, nomeadamente, que, antes dele, o Benfica não sabia o que era ganhar, que sabia muito bem como se ganhava no Benfica (insinuando que era com recurso a batota) e alinhando, a espaços com a estrutura de comunicação do Sporting na tentativa que fizeram para destruir o Benfica, como no caso dos "vouchers" e dos "e-mails"... E este ataque à Instituição Benfica só terminou quando o empresário lhe mandou uns berros, chamando-o à atenção de que, assim, estava a colocar em causa o mérito do seu currículo. Nessa altura, o Jorge da Amadora, com a falta de vergonha que se lhe reconhece, mandou às malvas a parceria com o Bruno e o Nuno e , com todo o descaramento, desdisse o que afirmou, garantindo que todas as suas vitórias foram exclusivamente assentes no mérito!...
Jorge Jesus é um excelente treinador, mas esta criatura não tem idoneidade moral para regressar ao Benfica e só um acossado Luís Filipe Vieira (que precisa muitíssimo mais do Benfica do que o Benfica dele necessita…), cujos padrões morais também não são dos que mais recomendaria, se prestaria a promover este regresso, com custos financeiros e morais elevadíssimos, de modo a que Jorge Jesus possa ser a sua bandeira de campanha que o auxilie nas próximas eleições, visto que, neste especial momento da sua vida, se encontra absolutamente carenciados desse fantástico escudo protetor que é a Presidência do nosso Clube!!!
De Anónimo a 20 de Julho de 2020
Faço minhas as suas palavras. Coerente como sou espero que JJ justifique o seu vencimento. Quanto ao Sr LFV, todos nós conhecemos o seu modo operanti.
De ๓คгเค Ŧl๏г a 21 de Julho de 2020
Jorge Jesus, foi o maior treinador da história do Flamengo, e me deu grandes alegrias. Sou muito grata por isso. No entanto, por ter abandonado o nosso projecto no meio, lhe digo: lhe desejo sucesso. O senhor é, para a gente, página virada........Tens um defeito: nunca cumpre seus contratos, vai sempre bem no primeiro ano depois se perde no caminho. Jorge Jesus vai arrumar nada no Benfica, foste humilhado na saída e agora exaltado na entrada..... o que mais me "choca" é ver Benfiquistas, Sportinguistas e Portistas e até flamenguistas, vascaínos enfim... dizendo que não torce pelos Times e sim pelo trabalho do profissional que ele é... juro, gente hipócrita, fala mal dos clubes para dignificar o sentimento pelo Homem e depois vem cá pedir para treinar, e lutam a pagar pelo JJ. O treinador passa o clube fica. Amem vossas bandeiras. #prontoFalei. beijinhos.

De Paulo Jorge a 21 de Julho de 2020
Para todos aqueles que estão aqui com muitas morais que se vejam ao espelho e mais, que se questionem o que é melhor para os adeptos e sócios, ver um Benfica a ganhar e a jogar bom futebol com o JJ, ou continuar a assistir ás vergonhas do último ano? È verdade que se disse muita coisa, mas foi a sangue quente e por motivos de frustração pela maneira como o JJ foi corrido do Benfica. No fim conta o que se faz e não o que se diz. Faço um apelo a todos os benfiquistas, não estragem o novo começo do JJ, em causa está o futuro dele e o futuro do Benfica.
De Manuel a 22 de Julho de 2020
E quem lhe deu a certeza que com o Jesus isto vai correr bem?
De Anónimo a 21 de Julho de 2020
Bem, de um "lagarterrimo" como eu, que teve a infelicidade de deixar de poder divertir-se a grande e a francesa com as conferencias de imprensa do JJ no benfica, e ve-lo depois a fazer o mesmo no Sporting, obviamente com muitissimo menos vontade de rir, as conclusoes sao simples:
1) O JJ e bom treinador? nao sei nem interessa
2) O que fez de positivo nos Benfica e Sporting? uniu os adeptos, no benfica pela "postura identificativa com a massa associativa" e no sporting pelo "sff, diz coisas com sentido".
3) Resumindo, fico contente que tenha voltado para o benfica, nao porque fazer o presidente ganhar as eleicoes, mas basicamente por ser a imagem do proprio benfica...
De Anónimo a 21 de Julho de 2020
Esse é o grande mal do sporting: É um "pelintra" com manias de grandeza em que o JJ "ignorante" nao tinha lugar. O JJ é a imagem do próprio Benfica? Se for de um Benfica ganhador, compro!
De Armando Silva a 21 de Julho de 2020
Eu não sofro de Clubite . Sou desportista pelo Desporto . Tanto valor dou a um Jogo de Futebol entre as melhores equipas do Mundo Como vejo o Cova da Piedade com Sta Iria Tambem passo com muito gosto uma tarde a vêr as várias Modalidades de Atletismo , como outro desporto qualquer .Agora o meu livre pensamento vai para o frenesim do Sr Luis Filipe Vieira . Neste momento está a mais no Benfica . E se fosse um Dirigente sério . E não agarrado ao poder Já teria concluido que a sua presença esta´diariamente a manchar a Instituição Benfica . Basta vêr os processo na Justiça As suspeitas de várias situações que envolvem o Benfica , e o seu Presidente , e por aí fora Mais se ele pretendesse prestar um bom serviço ao Benfica . Tinha 2 caminhos Um . Não se recandidatava . Dois recandidatava-se mas antecipava as eleições para Abril / Maio Agora vejam este cenário O Sr LFV Perde as eleições , e o novo Presidente não quer o JJ Como vão descalçar as botas o proprio JJ Devia ter pensado nisso , e não se expôr a esta possibilidade sabemos que os Milhões fazem as pessoas perder o tino . Mas a DIGNIDADE Não tem preço . Agora para um Presidente que ameaça com o agarrem-me senão vou-.me embora Em que a vida no Benfica tem pouco de Democratico. Basta vêr o que se passa nas Assembleias Gerais . Quem discordar Ou confrontar o Sr LFV sofre consequências Até faz lembrar outros Clubes onde acontecem coisas parecidas Acho que os Sócios deveriam ponderar nas consequências .Mas em Futebol A verdade de Hoje é mentira amanhã Onde está a escola de virtudes das Agremiaçoes Desportivas
De Anónimo a 21 de Julho de 2020
Ele e o Luis Filipe Vieira são individuos sem vergonha,

Comentar post

escribas

pesquisar

links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

posts recentes

Vendaval

Fracasso

Balanço

Regresso de Jorge Jesus

Treinador interino

Desoladora

Desperdício

Macia

Sucesso

Lisonjeiro

origem

E-mail da Tertúlia

tertuliabenfiquista@gmail.com
blogs SAPO

subscrever feeds